Logo siteware

Faça o controle de metas e melhore a eficiência da sua empresa

CONTEÚDO

Publicação:
Publicação:
gráfico mostra controle de metas

CONTEÚDO

Em um rally, de tempos em tempos os participantes têm que passar por checkpoints, que indicam que os competidores estão indo no caminho certo. No mundo organizacional, o controle de metas tem um objetivo bastante parecido.

No universo dos rallies, se passa tempo demais sem aparecer um ponto de checagem, a equipe já sabe que pegou alguma virada errada e pode corrigir o caminho ainda a tempo para tirar a diferença e vencer a prova.

Nas empresas, acontece igual: conferindo os indicadores, é possível saber se você está se aproximando ou se afastando do objetivo estabelecido no planejamento estratégico. Caso esteja indo em uma direção não desejada, fica fácil corrigir o trajeto ainda no início.

Ainda tem dúvidas sobre o planejamento? Acabe com elas agora mesmo baixando o nosso material:

Neste post, vamos falar sobre a importância do controle de metas e dar dicas práticas de como aplicá-lo na sua empresa. Preparado? Então vamos!

Por que é tão importante fazer o controle de metas?

As metas costumam ser muito associadas às vendas e são frequentemente usadas para medir o desempenho dos colaboradores de uma empresa. Mas isso está longe de esgotar o potencial dessa ferramenta para a gestão estratégica.

O estabelecimento de metas é imprescindível para orientar o crescimento da empresa. Como na incansavelmente repetida frase de Lewis Carroll, “se você não sabe onde ir, qualquer caminho serve”. Em contraposição, se você tem um planejamento estratégico, certamente tem um objetivo global.

No entanto, o caminho entre o ponto atual e o objetivo final normalmente é muito distante, principalmente se estamos falando de planos de longo prazo. Assim, o controle de metas entra nessa equação como checkpoints, para que você tenha certeza que está indo no caminho certo. Ou seja, muito mais do que medir a atuação dos colaboradores, os indicadores têm o importante papel de garantir que a empresa está no caminho que vai levar até o objetivo estratégico estabelecido.

Leia sobre os três pilares da gestão estratégica para se aprofundar no assunto:

Como fazer o controle de metas na empresa, na prática? 

A constância é o primeiro fator que salta aos olhos quando o assunto é o controle de metas. O gestor deve estabelecer uma periodicidade para fazer a análise dos indicadores, de forma a não se deixar desviar do caminho proposto. Mas vamos ver a seguir outros pontos importantes que devem ser observados para um bom controle de metas.

Faça um diagnóstico da situação

O primeiro passo para qualquer ação na gestão estratégica, deveria ser uma análise de diagnóstico da situação atual da empresa. Antes de saber para onde quer ir e como vai chegar lá, é imprescindível saber onde você está.

Faça um mapeamento completo dos departamentos que estarão envolvidos no planejamento (ou de toda a empresa, se for o caso). A análise SWOT ajuda muito nesse diagnóstico, assim como uma boa análise PEST. Combinadas, essas duas ferramentas conseguirão situar a empresa no seu contexto.

Veja o vídeo abaixo que explica como fazer esse diagnóstico de maneira eficiente:

Estabeleça as métricas e os indicadores

Para medir qualquer coisa, você precisa de parâmetros claros e bem definidos. As métricas e os indicadores determinam exatamente quais pontos indicam o progresso do aspecto analisado. Eles também são determinantes para que você possa estabelecer uma série histórica e ver a evolução de algum fator ao longo do tempo.

Do ponto de vista da dinâmica de trabalho, os indicadores, também conhecidos como KPIs, tornam mais claras as prioridades. Dessa forma, toda a equipe sabe exatamente qual deve ser o foco, o que é mais ou menos importante.

Se você ainda tem dúvidas sobre este tema, nós temos um material que vai ajudar:

Envolva os integrantes da equipe

O controle de metas não é e nem deve ser um trabalho de um homem — ou uma mulher — só. Todos os integrantes da equipe devem estar envolvidos e comprometidos com o monitoramento dos indicadores.

A razão disso vai além da capacidade operacional em si. Quando as pessoas estão envolvidas no processo, elas tendem a ficar também mais comprometidas com os resultados. Portanto, uma boa maneira de garantir um controle de metas efetivo é repartindo com os integrantes da equipe a responsabilidade sobre essa tarefa.

Quer dicas preciosas de como engajar a sua equipe? Temos! É só baixar o e-book no link abaixo:

Crie a cultura do feedback

Quando falamos em controle de metas, o conceito mais importante é: quanto antes corrigir o desvio, melhor. Para isso, os feedbacks constantes e regulares são essenciais. Além de cumprirem o objetivo prático de possibilitar correções de rota mais rápidas, eles também servem para motivar a equipe e mostrar que o gestor está acompanhando os progressos e disponível para auxiliar no caso de alguma dificuldade.

Tenha prazos bem definidos — e use-os

O que não tem prazo, normalmente, tende a nunca. Estabelecer prazos viáveis é importante para que os integrantes da equipe planejem a gestão do seu tempo, distribuam as tarefas pela quantidade disponível de tempo e efetivamente saiam do lugar com as demandas.

Os prazos precisam ser negociados e combinados com a equipe, de acordo com a realidade do trabalho e da empresa. Assim, você evita estabelecer um calendário surreal. Mas, uma vez estabelecidos e acordados entre todos, os prazos precisam ser cumpridos. Os adiamentos devem ser deixados apenas para os casos de imprevistos incontornáveis.

Use as ferramentas corretas

Atualmente, é possível encontrar tecnologias que ajudam em praticamente todos os setores da gestão estratégica. Os sistemas de gestão podem ajudar a monitorar e acompanhar os indicadores, tornando o controle de métricas muito mais eficiente.

Existem ferramentas para o controle de metas? 

A boa notícia é que sim, existem atualmente no mercado excelentes ferramentas para ajudar você a fazer o controle de métricas na sua empresa. A realidade de fazer o controle das métricas e dos indicadores em inúmeras planilhas ficou para trás — ao menos, para as empresas mais modernas.

Uma ferramenta que certamente vai tornar esse processo mais descomplicado, rápido e até intuitivo é a STRATWs One. A plataforma transforma em processos a metodologia de gestão da sua empresa. Compatível com diferentes metodologias, como OKR, SWOT, Lean e outras, ela automatiza certas tarefas, liberando tempo dos colaboradores para funções mais estratégicas.

Outra funcionalidade da plataforma é o estabelecimento de KPIs que, como analisamos anteriormente, são um ponto essencial no controle de metas. A ferramenta também permite a geração rápida de relatórios, análise dos riscos e cenários, o compartilhamento de informações e outras ações que vão tornar o dia a dia de gestão muito mais simples.

Banner 16 Faça o controle de metas e melhore a eficiência da sua empresa

Deixe um comentário


O seu endereço de e-mail não será publicado.

[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]