Gestão de Equipe

Indicadores de recursos humanos: conheça as 8 principais métricas para a sua empresa

Indicadores de recursos humanos: conheça as 8 principais métricas para a sua empresa

Publicação : 17/05/2021

Por Siteware

9 min

Indicadores de recursos humanos
Indicadores de recursos humanos

Os indicadores de recursos humanos são definidos como ferramentas para medir os componentes objetivos e subjetivos relacionados aos empregados, dados que – organizados como um sistema – são capazes de oferecer uma análise dos resultados obtidos.

Embora os departamentos de recursos humanos não gerem receita, o RH gerencia a melhor vantagem competitiva de sua organização – seu pessoal.

Ele também pode acompanhar as principais métricas que fornecem insights vitais para ajudá-lo a tomar melhores decisões sobre o capital humano e desenvolver melhorias nos processos de RH para realizar todo o seu potencial.

A seguir, estão as orientações sobre alguns indicadores de recursos humanos que ajudarão você a gerenciar seu melhor ativo:

  1. Tempo de contratação
  2. Taxa de rotatividade
  3. Absenteísmo
  4. Tempo para produtividade
  5. Investimento de treinamento por funcionário
  6. Receita por funcionário
  7. Acidentes no local de trabalho
  8. Índice de reclamações trabalhistas

Veja também: Gestão de desempenho nas organizações: importância e métodos utilizados nas empresas

Você sabe o que é people analytics? Saiba mais sobre essa tendência da área de gestão de pessoas baseada na análise de dados e de Indicadores de desempenho de Recursos Humanos:

Indicadores de desempenho de Recursos Humanos

Estes materiais também podem ajudar você a usar indicadores de desempenho de Recursos Humanos:

Quais são os indicadores de recursos humanos?

Confira os principais exemplos de indicadores de recursos humanos que você deve ficar de olho em sua empresa. Essa é uma das melhores maneiras de como aumentar resultados em RH.

1- Tempo de contratação

É o tempo médio necessário para contratar um funcionário. É calculado considerando o total de posições dos dias abertas e dividindo-as pelo número de posições preenchidas.

Essa métrica pode fornecer informações sobre a eficácia de sua marca de emprego, esforços de marketing e processo de inscrição.

Números “altos” também podem fornecer uma perspectiva sobre o processo de entrevista.

  • Por exemplo: você pode ter um processo de inscrição muito longo, muitas entrevistas ou uma experiência de candidato fraca.

2- Taxa de rotatividade

Esse índice, também conhecido como turnover, é um dos indicadores de recursos humanos mais conhecido. Ele indica a quantidade de colaboradores que saem e que entram na empresa.

A taxa de rotatividade é calculada tomando-se o número de funcionários que deixam a empresa durante um período especificado (um ano, trimestre ou mês) e dividindo-o pelo número médio de funcionários durante o mesmo período e multiplicando-a por 100.

Quando focada em um grupo-alvo (por exemplo, funcionários de alto desempenho, pessoas com baixo desempenho ou posições críticas), essa métrica fornece, por exemplo, dados sobre a atratividade da empresa em relação à concorrência.

3- Absenteísmo

Este indicador mede as ausências de funcionários devido a atrasos, licenças médicas ou ausências, justificadas ou não.

Ele deve ser calculado de acordo com um período de tempo pré-estabelecido. Pode ser mensal ou diário.

Pode ajudar a prever os números de ausências que você poderia esperar e até a queda na produtividade ou mesmo aumento de custos.

  • Por exemplo: com base no valor médio da hora trabalhada, o impacto do absenteísmo nos custos de mão de obra da empresa pode ser quantificado.

4- Tempo para produtividade

Este exemplo de indicadores de recursos humanos mostra o número médio de dias para produtividade satisfatória de um funcionário.

O tempo até a produtividade nas organizações é calculado considerando-se o número de dias entre a data de início do novo funcionário e o ponto em que ele alcança a produtividade satisfatória.

Essa métrica é um indicador vital do desempenho do seu programa de integração. Além disso, os resultados podem ser uma indicação da qualidade de seu processo de recrutamento e do calibre dos candidatos que você está atraindo.

  • Por exemplo: quanto tempo um novo vendedor demora para vender tanto quanto a média de seus colegas da equipe comercial? Este é o chamado ramp up de vendas.

Confira também: Gestão estratégica de pessoas nas organizações – saiba como implementar corretamente

E veja mais neste vídeo:

5- Investimento de treinamento por funcionário

É preciso acompanhar de perto o quanto você está investindo em treinamento e desenvolvimento.

Esse indicador de desempenho de RH é calculado pela divisão do total gasto em capacitações pelo número de funcionários da empresa.

Se você investe muito pouco, é provável que:

Você tenha dificuldades para desenvolver os principais talentos internamente;

Os melhores talentos saiam para buscar oportunidades de treinamento e desenvolvimento em outros lugares.

  • Por exemplo: se uma empresa de desenvolvimento de softwares não aprimora suas equipes nas novas linguagens e nas inovações da área, é provável que os colaboradores busquem por isso e outras empresas.

6- Receita por funcionário

Este é um dos indicadores de gestão de recursos humanos mais importantes para os investidores quando analisam em quais empresas investir.

Embora não seja uma ciência precisa, a receita por empregado (receita total / total de funcionários) é um bom indicador de quão eficiente é sua organização geral.

  • Por exemplo: a folha de pagamento é geralmente o maior custo. Organizações com uma receita baixa por funcionário não tendem a sobreviver por muito tempo.

7- Acidentes no local de trabalho

Ser capaz de medir o número de acidentes no local de trabalho será extremamente importante e útil para evitar problemas futuros.

Esse ee o objetivo deste KPI de recursos humanos

  • Por exemplo: é muito comum ver placas nas empresas com dizeres como “tantos” dias sem acidentes de trabalho.

Promover a segurança das equipes é uma obrigação que não pode ser negligenciada.

Saiba mais: 7 maneiras de melhorar as operações sem sacrificar a segurança da equipe

8- Índice de reclamações trabalhistas

Dentre os indicadores de gestão de recursos humanos aqui mencionados, podemos dizer que este é um dos mais problemáticos, especialmente no Brasil.

Nossa legislação extremamente paternalista faz com que o Brasil seja o país recordista de ações trabalhistas.

  • Por exemplo: uma alta taxa percentual de reclamações trabalhistas sinaliza grave problema. Além de os processos serem extremamente custosos, esse número pode indicar ilegalidades cometidas pela empresa.

Entendeu como os indicadores de recursos humanos podem lhe ajudar?

Você viu algumas práticas e indicadores de recursos humanos. Mas de nada adianta ver todos esses exemplos de indicadores de recursos humanos e não usá-los para desenvolver as pessoas.

Veja como fazer isso neste vídeo da Siteware:

O STRATWs ONE é um software de gestão de performance corporativa capaz de unir seu pessoal, a operação e a estratégia em busca de melhores resultados. Com ele é possível acompanhar facilmente indicadores sem ser prejudicado pelas fragilidades dos indicadores de recursos humanos.

Veja mais algumas vantagens do STRATWs One que o fazem ser o software escolhido por mais de mil empresas ao redor do mundo:

  • Compartilhar informações com agilidade e transparência;
  • Usar a meritocracia e a gestão à vista para motivar e gerenciar equipes;
  • Empregar as principais metodologias de planejamento estratégico como BSC, OKR e SWOT;
  • Potencializar a governança corporativa;
  • Gerenciar riscos e analisar cenários.

Revolucione a gestão da sua empresa com o STRATWs One

Para usar ainda melhor esses indicadores de gestão de pessoas e liderança, baixe nosso e-book gratuito e descubra o alto custo do baixo engajamento dos colaboradores.