Gestão Estratégica

Gestão de custos operacionais: 10 dicas que vão impactar positivamente a saúde financeira do seu negócio

Gestão de custos operacionais: 10 dicas que vão impactar positivamente a saúde financeira do seu negócio

Publicação : 17/10/2019

Por Siteware

8 min

Gestão de custos operacionais
Gestão de custos operacionais

Como você tem feito a gestão de custos operacionais da sua empresa?

Os custos operacionais são as despesas, fixas ou variáveis, necessárias para manter a empresa funcionando. São eles que viabilizam as atividades da organização.

Como exemplo, podemos citar:

  • salário de funcionários;
  • aluguel do espaço;
  • impostos;
  • contas de água, luz, internet, telefone etc.;
  • insumos para escritório (papel, caneta, tinta para impressora etc.);
  • matéria-prima;
  • viagens corporativas.

Saber gerenciar os custos operacionais do seu negócio é fundamental para promover um maior controle financeiro, evitando, assim, prejuízos e potencializando a lucratividade da empresa.

Tendo isso em vista, separamos aqui 10 dicas essenciais de como fazer uma eficiente gestão de custos operacionais.

Continue a leitura e saiba de que maneira essa prática pode tornar o seu negócio mais competitivo.

Leia também: 5 ideias para reduzir custos na empresa sem afetar sua produtividade

10 dicas de como fazer uma gestão de custos operacionais

1 – Conheça todas as suas despesas

A primeira dica de como fazer uma eficiente gestão de custos operacionais é conhecer quais são cada um desses custos. Mais que isso, é importante entender sua relevância para a empresa e seu impacto nos caixas da organização.

Quando você conhece bem todas as suas despesas, fica mais fácil identificar e mitigar aquelas que agregam menos valor para o seu negócio. Além disso, é possível fazer cortes de gastos sem colocar em risco a qualidade final dos produtos e serviços que você oferece.

2 – Evite desperdícios

Gerenciar custos operacionais também significa evitar desperdícios. Procure fazer campanhas de conscientização dentro da empresa para evitar gastos desnecessários de papel, energia elétrica e água, por exemplo.

Além disso, estimule os colaboradores a levarem suas próprias canecas ou garrafinhas, pois isso reduz o uso de copos descartáveis.

3 – Monitore e reconfigure seus processos

Esta terceira dica de gestão de custos operacionais dialoga bastante com a dica anterior.

Na busca por meios de evitar desperdícios, é fundamental monitorar seus processos internos e, se necessário, adotar novas configurações.

Para isso, conte com a ajuda de indicadores-chave de desempenho (KPIs). Com essas ferramentas, fica mais fácil verificar falhas que estão gerando um aumento nos custos operacionais.

4 – Conte com a participação dos colaboradores

Para uma gestão eficiente dos custos operacionais, é interessante que você envolva as equipes que atuam na ponta dos processos. Isso porque eles podem te mostrar uma perspectiva diferente sobre possíveis falhas, contribuindo com a sugestão de medidas corretivas.

Incentive a participação dos colaboradores neste que é um trabalho contínuo. Exponha a situação-problema para eles e mantenha-se aberto para ouvir suas propostas.

Já pensou em desenvolver um plano de ação e engajar seus colaboradores na redução de custos? Então, confira estas dicas:

Gestão de custos operacionais

Fonte: NFe.io

5 – Atente-se para a gestão de estoque

Um estoque mal gerenciado pode representar um aumento significativo nos custos operacionais da sua empresa.

Ao fazer uma gestão de estoque de qualidade, evita-se desperdício de mercadorias que ficam encalhadas e acabam por ter o prazo de validade vencido. Além disso, são minimizadas também as perdas de vendas pela ausência de determinados produtos.

Analise a sua capacidade de armazenamento, a demanda por seus produtos e as melhores técnicas para gestão de estoque e da cadeia de suprimentos.

Veja mais: Ferramentas de controle de estoque: 7 dicas para gerenciar a entrada e saída de mercadorias com mais eficiência

6 – Renove o seu maquinário

Apesar de ser um investimento, a renovação dos maquinários e demais equipamentos da sua empresa pode ser uma boa forma de fazer a gestão dos custos operacionais.

Por exemplo, aparelhos antigos costumam consumir mais energia elétrica. Ao substituí-los por modelos mais modernos, você consegue economizar na conta de luz e em gastos de manutenção, além de expandir sua capacidade produtiva.

7 – Reavalie os contratos com seus fornecedores

Outra forma de garantir uma gestão de custos operacionais eficiente é a partir da reavaliação de todos os seus contratos com fornecedores.

Ao fazer isso, você pode negociar melhores condições ou, se for mais vantajoso, optar pela contratação de novos fornecedores. O mesmo vale para serviços como telefone e internet.

8 – Verifique seu regime tributário atual

Lucro Presumido, Simples Nacional ou Lucro Real? Qual destes regimes tributários você escolhe para a sua empresa? Será que o seu regime atual é, de fato, o mais vantajoso?

Como os impostos fazem partes dos custos operacionais, é necessário verificar se o regime de tributação escolhido quando você abriu a sua empresa ainda é a melhor opção para o momento em que a sua empresa se encontra hoje.

9 – Ofereça treinamentos para os colaboradores

Profissionais mal treinados podem comprometer a qualidade dos processos e gerar gastos desnecessários. Por isso, busque oferecer treinamento periódicos para os seus colaboradores para que eles saibam como cada procedimento deve ser executado.

10 – Invista em softwares de gestão

A automatização de processos é uma importante aliada da gestão de custos operacionais. Com ela, você economiza com mão de obra humana e evita falhas que podem custar caro para os caixas da sua empresa.

Além disso, os softwares de gestão ajudam a otimizar determinados processos (controle de estoque, fluxo de caixa, emissão de notas fiscais, relacionamento com o cliente etc.) e contribuem para a produtividade do negócio.

Dicas de redução de custos nunca são demais, por isso, confira mais algumas:

Essas foram as nossas 10 principais dicas de como fazer uma boa gestão de custos operacionais. Coloque-as em prática para aumentar a rentabilidade e ganhar vantagem competitiva!

Saiba mais: Exemplos de redução de custos nas empresas: comece analisando seus processos

O STRATWs One é um software de gestão de performance corporativa que permite acompanhar os dados de sua empresa – inclusive financeiros – em tempo real. Por isso, é ideal para quem busca, entre outros objetivos, a redução de custos.

Revolucione a gestão da sua empresa com o STRATWs One

Daniella DoyleJornalista e Publicitária de formação, está no mercado há mais de 15 anos com foco em gerar resultados para empresas B2B por meio de estratégias online e offline. Adora uma nova tendência e trabalhar com métricas e metas. É gerente de marketing na Siteware e, quando sobra um tempinho, aproveita para tricotar e pintar!

E se você quer ter um melhor controle de suas finanças agora mesmo, então, baixe nossa planilha gratuita pronta para usar: [PLANILHA COMPLETA] Orçamento Anual

Deixe um comentário


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *