Gestão de Equipe

Abandone 3 mitos e confira 30 perguntas e respostas para avaliação de desempenho

Abandone 3 mitos e confira 30 perguntas e respostas para avaliação de desempenho

Publicação : 29/08/2017

Por Siteware

14 min

Avaliação de desempenho perguntas e respostas
Avaliação de desempenho perguntas e respostas

Quando se trata de avaliação de desempenho, o segredo está em fazer as perguntas certas para obter respostas esclarecedoras.

Mas, hoje, a avaliação de desempenho é um dos aspectos mais presentes e, ao mesmo tempo, impopulares do ambiente de trabalho.

Muitas empresas querem mudar o modo como isso é feito, mas em meio a tantas mudanças que acompanhamos diariamente, quantas realmente analisam como as avaliações de desempenho acontecem, de fato, a longo prazo?

A verdade é que a escolha das perguntas e respostas certas na avaliação de desempenho pode fazer toda a diferença.

E não é preciso reinventar a roda, nessa hora!

Por isso, vamos trazer aqui uma série de perguntas e respostas de avaliação de desempenho para você se inspirar na hora de criar seus questionários.

Além disso, vamos desbancar alguns mitos a respeito de avaliação de desempenho, para que todos possamos fazer o melhor para nossas empresas e nossos funcionários. Confira!

Mas antes de conhecer o s 3 mitos, dê uma olhada neste vídeo sobre avaliação de desempenho de nosso canal no YouTube:

Você também pode gostar:

3 mitos sobre avaliação de desempenho que você precisa superar

Antes de pensar na avaliação de desempenho, perguntas e respostas que vai usar, é muito importante deixar para atrás algumas crenças equivocadas sobre esse importante processo de RH.

Por isso, confira este 3 mitos!

Mito 1: Pontuação das avaliações não mudam muito – a maioria recebe notas positivas e poucos recebem pontuações ruins

Na verdade, as avaliações variam muito em notas. O que se vê é uma tendência da pontuação do funcionário mediano ficar levemente acima da média. Mas, no geral, a distribuição costuma ser variada e justa.

Mito 2: Quem tem bom desempenho continuará performando acima da média e quem tem desempenho ruim, ou abaixo da média, nunca melhora

O que acontece realmente é que, sem os devidos incentivos, sejam motivacionais ou financeiros, os melhores funcionários podem sim se tornar os piores no próximo ano. Assim como, contando com o devido suporte, treinamentos e feedbacks, quem teve desempenho ruim pode melhorar e atingir níveis de excelência.

Por isso é importante engajar sua equipe, dar feedbacks com frequência e ter algum tipo de remuneração variável. Assim, você garante que todos performem em seu nível máximo e melhorem os resultados da sua empresa.

Mito 3: Avaliação de desempenho não influencia pagamentos ou promoções. Gerentes dão aumentos modestos aos melhores e raramente não compensam os piores

Os funcionários com melhor desempenho e alta performance são altamente recompensados e mais propensos a ganhar promoções e aumentos. Enquanto isso, os mal avaliados são fortemente impedidos de serem promovidos e sofrem maior risco de serem demitidos.

Ou seja, a avaliação de desempenho tem funcionado como o esperado na maioria das empresas.

No entanto, o que acontece é que a avaliação anual de performance não é mais o único fator para aumentos, promoções e remuneração variável.

São avaliados também:

  • Comportamento na empresa;
  • Oportunidades aproveitadas pelo funcionário;
  • Como ele lida com desafios;
  • Sua melhoria contínua na performance.

Existem diversos tipos de avaliação de desempenho, conheça alguns deles neste vídeo:

Avaliação de desempenho: perguntas e respostas que você pode usar

Quando se fala em avaliação de desempenho e nas perguntas e respostas que podem ser usadas, devemos levar em conta que as mesmas perguntas podem ter 4 tipos de respostas.

Por isso, vamos começar nossas dicas de perguntas e respostas que você pode usar em suas avaliações de desempenho pelos tipos de respostas.

Tipos de respostas para avaliação de desempenho

Por exemplo: para uma pergunta como esta: O colaborador tem bom relacionamento interpessoal e boas habilidades para trabalhar em equipe?

As respostas podem ser:

  1. Totalmente abertas: isto é, o avaliador responde o que quiser em um determinado número de linhas, colocando opniões pessoais, exemplos etc.
  2. Fechadas, com 3 alternativas relativas à qualidade do comportamento ou habilidade: 1 (  ) Sim, muito bom – 2 (  ) Na média – 3 (  ) Não muito bom
  3. Fechadas, com 5 alternativas relativas à frequência: 1 (  ) Quase sempre – 2 (  ) Muitas vezes – 3 (  ) Algumas vezes – 2 (  ) Pouca vezes – 1 (  ) Quase nunca
  4. Fechadas, com 5 alternativas seguindo a escala Likert: 1 (  ) Concordo plenamente – 2 (  ) Concordo – 3 (  ) Não concordo nem discordo – 4 (  ) discordo – 5 (  ) Discordo totalmente

Entenda as vantagens e desvantagens de cada tipo de resposta para avaliação de desempenho.

1. Respostas totalmente abertas

Apesar de poderem trazer mais informações e dados bem completos, são muito difíceis de tabular e analisar.

Além disso, tendem a levar o avaliador a adiar as respostas. Porque realmente é preciso muito tempo para escrever respostas desse tipo para todos os avaliados. Por isso, o ideal é só usar esse tipo de resposta quando a empresa tiver poucos colaboradores.

Outra alternativa e usar esse tipo de resposta somente em 4 ou 5 perguntas mais importantes, em complemento a um dos tipos de respostas a seguir.

2. Respostas fechadas, com 3 alternativas relativas à qualidade do comportamento ou habilidade

Muito mais rápidas de responder, assim, fazem com que os questionários sejam entregues bem mais rapidamente.

Além disso, são de fácil tabulação e análise. Por outro lado, não deixam de usar um critério subjetivo e, também, 3 alternativas pode ser pouco para avaliar bem os colaboradores.

3. Fechadas, com 5 alternativas relativas à frequência

Também rápidas de responder e fáceis de transformar em dados. Além disso, por se tratar da frequência com que o comportamento ocorre, as respostas são menos subjetivas e podem evitar vieses de opinião do avaliador.

4. Fechadas, com 5 alternativas seguindo a escala Likert:

A escala Likert é uma das mais usadas em pesquisa. Tem as mesmas qualidades referentes a agilidade de resposta e facilidade de tabulação.

Porém, é mais subjetiva que a anterior. No entanto, em alguns casos a frequência do comportamento não é tão importante quanto a sua qualidade e, por isso, deve-se optar por essa escala nas resposta dos questionários de avaliação de desempenho.

Bem, avaliação de desempenho tem perguntas e respostas, hora de ver algumas boas perguntas, então!

Veja também: Como implantar avaliação de desempenho em uma empresa e orientar o crescimento da equipe

Um dois mais usados tipos de avaliação de desempenho é o 360 graus. Veja mais sobre ele neste vídeo:

30 sugestões de perguntas para avaliação de desempenho

Uma avaliação de desempenho com perguntas e respostas bem elaboradas pode ser de grande ajuda para a empresa.

Por isso, selecionamos alguns exemplos de perguntas que podem servir de inspiração na hora de criar seu questionário de avaliação de desempenho.

Leia, verifique quais delas têm mais a ver com seu negócio e, depois, adapte para as características de sua empresa.

Perguntas sobre postura profissional:
  1. O funcionário mostra maturidade apara lidar com questões estratégicas e de alta responsabilidade?
  2. O funcionário procura conciliar os colegas quando aparecem desavenças no dia a dia de trabalho?
  3. O funcionário é tido como um exemplo por seus colegas ou liderados?
  4. O funcionário é visto como uma pessoa equilibrado e educada por colegas de outras áreas da empresa?
  5. O funcionário comparece a empresa adequadamente vestido, sem exageros nem com uma aparência desleixada?
  6. O funcionário troca conhecimento de forma arrogante e professoral ou o faz de forma agradável e sincera?
  7. O funcionário traz problemas pessoais para o dia a dia do trabalho, perdendo a motivação e se tornando disperso?
Perguntas sobre relacionamento e trabalho em equipe:
  1. O funcionário trata seus colegas com respeito e educação, independentemente de seu cargo na empresa?
  2. O funcionário assume diferentes responsabilidades no trabalhos em equipe? Ele respeita diferentes pontos de vista?
  3. O funcionário é um membro da equipe e procura valorizar a participação de todos, reconhecendo as contribuições e incentivando a participação.
  4. O funcionário tem um bom relacionamento com a equipe?
  5. O funcionário tem um bom relacionamento com profissionais de outros setores da empresa?
  6. O funcionário evita conflitos desnecessários e procura solucionar divergências de forma amigável e consensual?
Perguntas sobre apoio à colegas e gestores:
  1. O colaborador recebe feedbacks de forma madura, entendo os comentário de colegas e superiores como críticas construtivas?
  2. O funcionário dá feedbacks sempre que lhe são pedidos, de forma objetiva e respeitosa?,  focados em fatos e em tom respeitoso, sempre que solicitado
  3. O funcionário dá feedbacks que podem ser de ajuda à seus colegas ou mesmo ao seu líder direto?
  4. O funcionário vê o feedback como um oportunidade de melhorar seus desempenho ou como uma “sabotagem”?
  5. O funcionário recebe bem novos colegas contribuindo para sua integração na empresa e dando dicas de como melhorar seu desempenho?
  6. O funcionário troca informações relevantes com colegas e com outras áreas da empresa ou a as mantém para si, como uma vantagem e forma de se destacar?
Perguntas sobre assiduidade, desempenho técnico e uso dos recursos da empresa:
  1. O funcionário costuma chegar atrasado com frequência?
  2. O funcionário falta ao trabalho muitas vezes, sem justificativa?
  3. O funcionário cumpre os horários de descanso e almoço sem exagero e dentro do horário?
  4. O funcionário domina os assuntos técnicos de sua área de atuação?
  5. O funcionário domina o uso dos softwares, hardwares e outros equipamentos que precisa usar em seu dia a dia de trabalho?
  6. O funcionário cuida bem dos ativos da empresa colocados à sua disposição, como escrivaninhas, telefones celulares, veículos, laptops etc.?
Perguntas sobre potencial de crescimento na carreira e desenvolvimento profissional:
  1. O funcionário procura se capacitar, fazendo cursos e lendo sobre temas importantes para o negócio?
  2. O funcionário procura se envolver em projetos relevantes para a empresa?
  3. O funcionário apresenta características de liderança, como planejamento, organização e agilidade na tomada de decisão?
  4. O funcionário traz ideias inovadoras e sugestões de projetos?
  5. O funcionário procura ir além de suas obrigações, fazendo mais do que o solicitado e superando suas expectativas?

Esses foram apenas alguns exemplos de perguntas para avaliação de desempenho, mas você deve sempre buscar aquelas que são as mais importantes para o seu negócio.

Assim, a avaliação dos colaboradores será bem mais assertiva para a empresa. Dessa forma, será possível definir treinamentos, escolher novos líderes, realocar talentos e, em suma, levar a equipe ao a um melhor desempenho, trazendo resultados para o negócio!

A Siteware desenvolveu o STRATWs One, um software de gestão de performance corporativa que ajuda sua empresa a definir indicadores de desempenho e acompanhar a performance de pessoas, equipes e projetos, assim, os dados de sua avaliação de desempenho poderão ser analisados de forma bem mais precisa.

Texto adaptado daqui

E aí, você ainda concorda com esses mitos? Conta pra gente nos comentários! E não se esqueça de se inscrever na nossa newsletter para receber o conteúdo do blog em seu e-mail!