Comunicação

A Diferença entre Colaboração e Cooperação

A Diferença entre Colaboração e Cooperação

Publicação : 26/08/2015

Por Siteware

6 min

colaboração
colaboração

(Clique no player para o ouvir a narração do nosso post sobre Colaboração e Cooperação! Deixe nos comentários o que achou.)

A colaboração entre setores é fundamental para a realização de grandes projetos e iniciativas. Porém, misturar as habilidades e recursos de diferentes departamentos, cada um com sua função específica, para alcançar uma meta organizacional desafiadora é muito mais fácil na teoria do que na prática. É preciso que as pessoas estejam dispostas a se reunirem, compartilhar informações e cooperar. Mais importante ainda do que isso, é necessário tomar decisões difíceis, conversar sobre o que fazer ou não para ajustar a carga de trabalho pelas áreas que tem prioridades e chefias diferentes.

Apesar da boa intenção do comportamento cooperativo, é nele que, frequentemente, a colaboração interdepartamental dá errado. Isso porque estamos condicionados a ser cooperativos, dispostos a ajudar e compartilhar informação. No entanto, poucas vezes somos realmente colaborativos. Temos dificuldades em  compartilhar todo o processo com quem está envolvido desde o início. Em geral nos comprometendo com o todo ao invés de entregar apenas a nossa parte.

Um exemplo da indústria automobilística

Uma empresa do setor automobilístico está produzindo um novo veículo para lançamento. Para tal feito, é preciso envolver vários setores da empresa. Tais como Produto, Engenharia, Industrial, Marketing, Vendas e Pós-vendas. Além de toda a rede de concessionários, que deve comercializar o carro, fornecer suporte e manutenção necessários para o modelo. São muitas pessoas e setores envolvidos no desenvolvimento do veículo, logo, torna-se fundamental que haja colaboração entre todos desde a concepção do projeto até a venda do produto final. Neste caso específico, se não houver um “casamento” perfeito entre todos, o modelo pode não sair. Além de implicar em altos custos para seu desenvolvimento ou ter graves defeitos de produção.

A equipe de Produto é responsável por idealizar o veículo, pensar no design, segmento e funcionalidades. Como o planejamento é feito por apenas um setor da empresa, pode acontecer de, ao iniciar o processo de validação do produto, envolvendo as demais áreas para que haja sinergia entre todas e a fabricação seja possível, o projeto sofra um retrocesso, devido a dificuldades industriais, de engenharia, custo ou mercado. Esse tipo de problema acarreta na elevação do orçamento do projeto. Além de atraso no cronograma de lançamento do veículo. Comprometendo parte do capital da empresa que, provavelmente, estava alocado para outro setor.

Reunir todos os envolvidos em cada etapa de tomada de decisão do projeto é um processo árduo e que consome muito tempo. Além de prejudicar a produtividade do time, que fica pressionado a comprometer grande parte de sua agenda para resolver problemas relacionados a outras áreas da companhia. O que pode acontecer é faltar sinergia entre as equipes internas da empresa, que no nosso exemplo é ainda potencializado por envolver a rede de concessionários e oficinas.

Uma reflexão sobre este caso

O que chama a atenção nesse exemplo (e em vários outros) é que, em grandes empresas, os times de desenvolvimento de produto costumam ser incentivados para a colaboração e trabalho em equipe. No entanto, eles ainda são incapazes de atingir o resultado desejado por confundirem comportamento agradável e cooperativo com colaboração. Vemos, então, que poucos líderes assumem não ser bons colaboradores, em sua maioria por acreditarem que sua cooperação é colaboração.

A maioria dos gestores é cooperativo, amigável e disposto a compartilhar informações. Mas o que lhes falta é a habilidade e flexibilidade para alinhar seus objetivos e recursos em tempo real. A série de erros pode começar no topo da organização. Quando os diretores não sincronizam suas estratégias e gestão uns com os outros. Ou no nível de gerência, que acaba por ser o responsável por efetivar a colaboração entre as áreas.

A Diferença entre Colaboração e Cooperação

Ser colaborativo envolve mais do que apenas compartilhar informações e estar presente em reuniões, isso é cooperação. A colaboração acontece, de fato, quando todos os funcionários-chave da empresa estão envolvidos no processo de criação de um produto, melhoria de um processo ou na solução de um problema. Compartilhando seus pontos de vista, conhecimentos, agendas e, mais importante, se preocupando com o resultado para a empresa como um todo. E não apenas com entregar sua parte, deixando que outro tome conta do resto do processo. Um projeto realmente colaborativo é aquele que não pertence a um gestor e sim a todos os funcionários da empresa.

Acompanhe essa série de postagens e, na próxima semana aprenda como criar um time colaborativo na sua empresa.

Texto inspirado no artigo publicado pela Harvard Business Review

Saiba mais sobre a Siteware!

Conheça nossas soluções