Logo siteware

Metas de produtividade: o que são e como defini-las a partir de 5 dicas fundamentais

CONTEÚDO

Publicação:
Publicação:
metas de produtividade

CONTEÚDO

Um dos objetivos que as empresas mais buscam é melhorar os seus índices de produtividade. Para isso, são estabelecidas metas que vão orientar as ações de colaboradores e gestores de diferentes níveis hierárquicos em direção aos objetivos da empresa. Essas são as metas de produtividade!

As metas de produtividade são indicadores individuais, mas é importante conectá-las aos objetivos gerais da empresa, fazendo o desdobramento de metas.

Banner Blog 1 Metas de produtividade: o que são e como defini-las a partir de 5 dicas fundamentais

Neste artigo, você vai entender o que são as metas de produtividade e por que elas são tão importantes. Continue a leitura para conferir também 5 dicas de como definir essas metas na sua empresa:

  1. Estabeleça metas de produtividade pensando a curto e médio prazo
  2. Faça uso de metas individuais e coletivas
  3. Seja realista e “pé no chão”
  4. Faça reuniões periódicas para ajustar as metas
  5. Ofereça premiação por produtividade e cumprimento de metas

O que são metas de produtividade?

metas de produtividade

As metas de produtividade são resultados colocados para as equipes no sentido de aumentar a produção sem elevar o uso de recursos disponíveis e sem comprometer a qualidade final das entregas.

Ou seja, metas desse tipo mostram o rendimento dos colaboradores em direção a resultados previamente estabelecidos.

Por exemplo, você pode ter como meta de produtividade para o seu time de atendentes a realização de 50 atendimentos por dia. Sendo assim, o colaborador que realizar 55 atendimentos será mais produtivo do que a aquele que fez apenas 30 dentro do mesmo prazo.

Portanto, as metas de produtividade mostram a capacidade de produzir mais com os mesmos recursos, sejam eles financeiros, humanos ou simplesmente o tempo, sem abrir mão da qualidade. Podem contemplar atividades do dia a dia, como no exemplo anterior, ou até mesmo tarefas mais longas, como a entrega de um projeto.

  • Se quiser saber um pouco mais sobre o acompanhamento dos metas individuais dos colaboradores e como mensurá-las de maneira estratégica, conheça o STRATWs One.

Definir esse tipo de meta é imprescindível para que a empresa consiga direcionar seus esforços de modo a conseguir produzir e entregar cada vez mais com menos. Além disso, as metas de produtividade são importantes para a manutenção da competitividade organizacional.

Leia também: A importância de saber como calcular a produtividade de um funcionário corretamente

E produtividade, você domina este conceito? Sabe como calcular? Então, confira este vídeo:

5 dicas de como definir metas de produtividade

Agora que você já sabe o que são as metas de produtividade e a importância que elas representam, veja a seguir 5 boas práticas que você deve seguir na hora de definir essas metas na sua empresa.

1. Estabeleça metas de produtividade pensando a curto e médio prazo

As metas com foco na produtividade das equipes precisam ser pensadas não apenas à longo prazo. Isso acaba sendo um fator que desmotiva os colaboradores justamente por se tratar de resultados muito distantes e pouco palpáveis.

Sendo assim, “quebre” essas metas maiores em pequenas metas de curto e médio prazo. Dessa forma, você consegue manter os colaboradores comprometidos com o resultado esperado.

2. Faça uso de metas individuais e coletivas

As metas de produtividade precisam ser colocadas pensando individualmente e coletivamente. Assim, fica mais fácil acompanhar o desempenho de cada colaborador e compará-lo com o desempenho apresentado pelas equipes.

3. Seja realista e “pé no chão”

Pode parecer contraintuivo, mas ter metas menos pode te ajudar a alcançá-las!

As metas de produtividade precisam estar de acordo com a realidade da sua empresa. Isso significa que você deverá observar as competências que os seus colaboradores apresentam, bem as limitações de conhecimento técnico e de recursos que a sua empresa possui.

De nada adianta, por exemplo, ter como meta de produtividade realizar 50 atendimentos por dia se os atendentes não estiverem bem treinados, se o sistema utilizado pela empresa estiver obsoleto ou se não houver colaboradores o suficiente.

Nesse caso, as equipes ficariam desmotivadas a alcançar essa meta que não condiz com a realidade do setor. Assim, a meta poderá ser mais realista de acordo com o contexto da empresa e dos funcionários.

Portanto, conheça bem suas equipes e os pontos fortes e fracos que elas apresentam e trace metas realistas e desafiadoras.

4. Faça reuniões periódicas para ajustar as metas

Ao definir as metas de produtividade, é interessante que se faça uma revisão periódica a fim de identificar as necessidades de ajustes.

Dessa forma, com base no desempenho individual e coletivo em direção às metas estabelecidas, reúna-se com os colaboradores esclarecer dúvidas, fornecer feedback, alinhar expectativas e fazer as alterações necessárias. Essas reuniões podem fazer as metas ficarem claras para toda a equipe!

Fazer reuniões produtividade é muito importante, por isso, vale conferir este vídeo:

Veja mais: Como fazer gestão à distância e manter a produtividade?

5. Ofereça premiação por produtividade e cumprimento de metas

Os colaboradores tendem a ser mais produtivos quando eles percebem que os seus esforços estão sendo valores e reconhecidos pelos líderes.

Nesse sentido, o gestor pode criar um programa de premiação por produtividade e cumprimento de metas baseado na meritocracia.

Assim, aqueles que se esforçarem mais e obtiverem melhores resultados receberão os melhores prêmios.

Essa é uma maneira de incentivar a busca por resultados cada vez mais satisfatórios.

Lembre-se de que a premiação por produtividade e cumprimento de metas deverá conter recompensas que sejam relevantes para os colaboradores.

Os profissionais também devem acompanhar seus indicadores constantemente. Saiba como convencer sua equipe da importância do acompanhamento de metas →

Como definir metas de produtividade impacta na melhoria de resultados?

Toda empresa quer alcançar melhores resultados. No entanto, para que isso aconteça, é necessário que todos os colaboradores estejam engajados, unidos em um só objetivo geral. E a definição de metas de produtividade podem ajudar nesse processo!

Com metas e objetivos bem estabelecidos, o colaborador sabe quais resultados precisa apresentar e o que precisa executar para chegar lá. Além disso, com metas de produtividade otimizadas, que estejam conectadas com o planejamento estratégico da empresa, é possível dividir as responsabilidades dos resultados corporativos para cada colaborador.

Dessa forma, além de gerar impactos imediatos, as metas de produtividade auxiliam no sentimento de pertencimento, isto é, os profissionais sentirem que fazem parte de algo maior. Tudo isso é fundamental para maior engajamento e, consequentemente, uma melhoria contínua nos resultados.

Essas foram as nossas 5 dicas que você não pode deixar de seguir ao estabelecer as metas de produtividade na sua empresa. Agora que você já sabe o que fazer, que tal colocar essas dicas em prática?

O STRATWs One é um software de gestão de performance corporativa criado para definir, acompanhar e compartilhar metas e, assim, ajudar a empresa a buscar a máxima produtividade.

Banner 16 Metas de produtividade: o que são e como defini-las a partir de 5 dicas fundamentais

Hoje mais de 160 mil usuários em mil empresas usam o STRATWs One, veja alguns dos motivos que levaram a isso nesta lista de benefícios que o software proporciona:

  • Gerenciar riscos e analisar cenários;
  • Facilitar a troca de informação e a comunicação entre departamentos;
  • Focar na busca dos resultados que sua empresa procura alcançar;
  • Compartilhar informações com agilidade e transparência;
  • Usar a meritocracia e a gestão à vista para motivar e gerenciar equipes;
  • Empregar as principais metodologias de planejamento estratégico como BSC, OKR e SWOT;
  • Integrar pessoas, operação e estratégia;
  • Encontrar oportunidades de melhoria;
  • Fazer a gestão de reuniões e do portfólio de projetos;
  • Aumentar a produtividade.

Deixe um comentário


O seu endereço de e-mail não será publicado.

[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]