Logo siteware

Accountability nas empresas: como aumentar o senso de responsabilidade na sua organização e impulsionar resultados

CONTEÚDO

Publicação:
Publicação:
imagem de 2 executivos praticando accountability nas empresas

CONTEÚDO

Você já ouviu falar em accountability nas empresas? Faz ideia sobre o que isso significa essa expressão?

Com cada vez mais adeptos no mundo inteiro, muitas organizações recorrem ao termo accountability para se referirem a um método de controle interno e à prestação de contas.

Apesar de não estar errada, essa visão sobre accountability é um pouco limitada. O termo está relacionado também ao comprometimento organizacional de líderes e liderados com os bons resultados na empresa, à transparência dos atos, à responsabilização e ao protagonismo na execução de suas próprias tarefas.

A fim de esclarecer essa importante temática, explicaremos nas próximas linhas o que é accountability empresarial e sua importância para os negócios.

Por isso, continue a leitura deste artigo para conferir também este passo a passo de como desenvolver accountability nas empresas e como colocá-la no centro da sua estratégia:

  1. Deixe claro o que você espera de seus colaboradores
  2. Tenha metas e objetivos muito bem definidos
  3. Defina os caminhos para alcançar os resultados propostos
  4. Avalie as habilidades necessárias
  5. Estabeleça os métodos de avaliação de desempenho

Leia também: Como fazer gestão à vista e trazer mais transparência e engajamento para seu negócio?

A Siteware tem diversos materiais que podem ajudar você  a tornar as inofrmações mais transparentes e as equipes mais engajadas, confira alguns deles:

O que é accountability nas empresas?

O significado de accountability, em tradução literal do termo, seria algo como “prestação de contas”, “responsabilização”. Trazendo esse conceito para a esfera corporativa, podemos definir o que é accountability empresarial como uma expressão que remete à ideia de transparência: nos atos, nas metas, nos objetivos, nas entregas de resultados, na definição de responsabilidades e, claro, na prestação de contas.

O termo accountability é bastante amplo. No campo organizacional, ele se refere à práticas de controle e de fiscalização interna não apenas no âmbito quantitativo. A intenção é garantir que as tarefas sejam executadas de maneira mais transparente possível, deixando claro o que, como, quando, por que e por quem foi feito.

A accountability tem a ver também com tratar todos os colaboradores como os reais responsáveis pelos resultados alcançados, gerando um maior comprometimento e engajamento das equipes.

A função da accountability nas empresas é incentivar a cultura da proatividade e do comprometimento com resultados mais satisfatórios e processos mais eficientes.

O conceito de accountability vertical e horizontal

Existem basicamente dois tipos de accountability empresarial: o horizontal e o vertical.

  • Na accountability horizontal, o controle é feito entre agentes de mesmo nível hierárquico.
  • Já na accountability vertical, a responsabilização se dá de cima para baixo, entre níveis hierárquicos distintos.

É sabido que o trabalho de uma equipe ou departamento interfere, direta ou indiretamente, nos resultados de outro setor. Nesse caso, a “prestação de contas” é feita horizontalmente, o que também pode ser observado em relação a membros de uma mesma equipe.

Mas quando a cobrança por responsabilização vem da diretoria ou do líder de um departamento para com seus liderados, estamos falando de accountability vertical.

Este post também pode interessar a você: Controle de indicadores: o que é, por que fazer e dicas para implementar

Passo a passo: como desenvolver accountability nas empresas

Agora que você já sabe mais sobre o conceito de accountability empresarial, veja a seguir um passo a passo com as etapas básicas de como desenvolver accountability na sua empresa.

Passo 1 – Deixe claro o que você espera de seus colaboradores

O primeiro passo para o desenvolvimento de accountability empresarial consiste em esclarecer as expectativas. Ou seja, deixar claro para os colaboradores o que se espera deles.

É de extrema importância que as equipes e departamentos saibam exatamente quais são suas atribuições e quais tópicos lhes competem. Dessa forma, evita-se adentrar em território alheio, desempenhando funções que são de responsabilidade de outro setor.

No caso de equipes dentro de um mesmo departamento, promover esse alinhamento é importante para que cada colaborador possa fazer a sua parte, evitando que haja aquele “empurra-empurra” de responsabilidades e até mesmo conflitos.

Dessa forma, se porventura acontecer alguma falha ou os resultados não estiverem de acordo com o esperado, ficará mais fácil saber a quem responsabilizar.

Passo 2 – Tenha metas e objetivos muito bem definidos

Faz parte também da accountability nas empresas contar com metas e objetivos muito bem definidos. Assim como no passo anterior, aqui também é fundamental que haja clareza sobre os resultados que se pretende alcançar.

As metas e os objetivos precisam ser específicos, alcançáveis e relevantes para a empresa ou setor. Além disso, é imprescindível que eles sejam possíveis de mensurar e tenham um prazo pré-determinado para serem atingidos.

Vale ressaltar também que é extremamente importante que as metas e objetivos sejam amplamente compartilhados com todos os envolvidos. Certifique-se de que todos esteja devidamente cientes dos resultados que se espera alcançar.

Passo 3 – Defina os caminhos para alcançar os resultados propostos

Para a correta implementação de accountability na sua empresa, é necessário também definir as diretrizes para o alcance das metas e objetivos estabelecidos.

Mostre para os colaboradores os caminhos que eles deverão seguir e os métodos necessários para atingir os resultados propostos.

Para esta etapa de desenvolvimento de accountability nas empresas, você pode utilizar a ferramenta Objective and Key-Results (OKR), ou objetivos e resultados-chave, em livre tradução.

O OKR consiste, basicamente, em definir um objetivo e os resultados necessários para que tal objetivo seja alcançado.

Exemplos de OKR de accountability

Objetivo:

  • Aumentar o volume de receita da empresa em 17% nos próximos 12 meses

Resultados-chave:

  • Converter 100 novos clientes até o final do próximo trimestre;
  • Lançar um produto novo até o final de 2020;
  • Dobrar a geração de leads mensais.

Perceba que cada resultado-chave pode ser desdobrado em outros resultados-chave, gerando um efeito cascada. Os Key-results são como degraus para alcançar algo maior.

Os OKRs contribuem para a geração de um senso de responsabilidade e de pertencimento entre os colaboradores, os quais passam a se engajar mais na busca pelos resultados.

Estes materiais também podem interessar a você:

Veja mais sobre a metodologia OKR neste vídeo:

Passo 4 – Avalie as habilidades necessárias

Nesta etapa do desenvolvimento de accountability nas empresas, é necessário avaliar quais habilidades são necessárias para executar as atividades e atingir os objetivos propostos.

Atentar-se a esse importante aspecto fará toda a diferença nos resultados da organização.

Com colaboradores devidamente capacidades para exercer suas funções, evitam-se falhas e retrabalhos que podem custar caro para o caixa da empresa e para a produtividade geral.

Tendo isso em vista, aloque os seus recursos humanos de acordo com as habilidades de cada colaborador. Se necessário, invista em educação corporativa para o desenvolvimento de tais habilidades.

Reskilling e accountability

O que é Reskilling?

Reskilling é um termo utilizado para se referir a atualização de competências. Para implementação da cultura de accountability na sua empresa, talvez seja preciso que os colaboradores atualizem certas práticas, conhecimentos e habilidades que já possuem.

Você sabe como desenvolver as habilidades de seus colaboradores? Então, este vídeo pode ajudar você:

Passo 5 – Estabeleça os métodos de avaliação de desempenho

Também faz parte da cultura de accountability estabelecer quais serão os métodos de avaliação do desempenho dos colaboradores. Afinal, como saber se as metas e objetivos estão próximos (ou não) de serem alcançados?

As ferramentas muito utilizadas para isso são os indicadores-chave de desempenho (KPIs). Por meio deles, é possível mensurar o progresso individual e coletivo para, a partir disso, propor os ajustes necessários e saber exatamente de quem cobrar resultados mais satisfatórios ou reconhecer esforços.

Exemplos de KPIs de accountability

  • Leads qualificados;
  • Taxa de conversão;
  • Satisfação do cliente (NPS);
  • Taxa de churn;
  • Ticket médio;
  • Lifetime value;
  • Perdas no estoque;
  • Tempo de reposição;
  • Taxa de devolução de mercadoria.

A definição dos indicadores de desempenho nos leva ao próximo passo para accountability nas empresas.

Confira mais algumas dicas de gestão de KPIs:

Accountability nas empresas

Passo 6 – Dissemine a cultura do feedback nos departamentos da empresa

O feedback é uma das ferramentas mais valiosas no ambiente corporativo. É por meio dele que líderes e liderados conseguem entender melhor seus erros e acertos para, então, procurar maneiras de melhorar cada vez mais.

Tendo isso em vista, é de extrema importância que o gestor busque se reunir periodicamente com seus colaboradores para atualizá-los sobre os resultados apontados recentemente pelos indicadores-chave de desempenho.

Esses momentos são essenciais não só para mostrar em que pontos é possível melhorar, mas também para dar os devidos reconhecimentos quando um trabalho for bem executado ou quando uma meta for alcançada.

O feedback é uma arma poderosa para manter os colaboradores motivados, engajados e comprometidos com os resultados da equipe e da organização como um todo.

Vale a pena lembrar também que o feedback é um via de mão dupla. Logo, o líder deve estar disposto a ouvir críticas construtivas de seus liderados e aberto para mudar o que for necessário.

Nem sempre é fácil dar feedaback aos colaboradores, por isso, confira algumas dicas:

O que é accountability nas empresas

Conclusão: transparência e engajamento são fundamentais

Aumentar o senso de responsabilidade das equipes e dos departamentos de uma empresa é determinante para o sucesso dela.

Ao implementar o accountability, todos os níveis hierárquicos se tornam mais comprometidos em obter melhores resultados. Mas, para isso, é fundamental que diretores, gestores e colaboradores tenham plena clareza sobre suas metas e objetivos, bem como sobre as tarefas que cabem a eles executar.

Outro aspecto importante para o accountability é a comunicação. É necessário que indivíduos e setores possam se comunicar de maneira transparente eficaz, evitando desencontro de informações e interpretações equivocadas.

Uma comunicação eficiente ajuda a dar mais agilidade às operações e a corroborar para o senso de unidade da organização.

Agora que você já sabe mais sobre accountability nas empresas, que tal implementar essa mentalidade entre os seus funcionários?

Leia também: Diferença entre KPI e OKR: qual implementar em sua empresa?

Confira este case de sucesso que mostra como a BRMalls se beneficiou de todas essas funcionalidades conseguindo excelentes resultados para o negócio: CASE: como a meritocracia foi o fator de sucesso na BRMalls

O STRATWs One é um software de gestão de indicadores corporativos que vai ajudar sua empresa a implementar um política de accountability, pois permite criar, acompanhar e compartilhar os indicadores de desempenho de seu negócio.

Confira mais algumas vantagens do STRATWs One:

  • Criar e acompanhar KPIs de processos, projetos e pessoas;
  • Compartilhar informações com agilidade e transparência;
  • Usar a meritocracia e a gestão à vista para motivar e gerenciar equipes;
  • Empregar as principais metodologias de planejamento estratégico como BSC, OKR e SWOT;
  • Gerenciar riscos e analisar cenários;
  • Facilitar a troca de informação e a comunicação entre departamentos;
  • Focar na busca dos resultados que sua empresa procura alcançar;
  • Integrar pessoas, operação e estratégia;
  • Encontrar oportunidades de melhoria;
  • Fazer a gestão de reuniões e do portfólio de projetos;
  • Compartilhar KPIs com agilidade e transparência;
  • Potencializar a governança corporativa.

Esses são alguns dos motivos que fizeram mais de mil empresas e 160 mil usuários escolherem o STRATWs One como seu software de gestão.

Banner 16 Accountability nas empresas: como aumentar o senso de responsabilidade na sua organização e impulsionar resultados

Um comentário

Deixe um comentário


O seu endereço de e-mail não será publicado.

[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[Evento online e gratuito]
[Evento online e gratuito]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[Evento online e gratuito]
[Evento online e gratuito]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[Evento online e gratuito]
[Evento online e gratuito]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]