Produtividade

Home office: como evitar a solidão quando você trabalha em casa?

Home office: como evitar a solidão quando você trabalha em casa?

Publicação : 12/03/2020

Por Lorrana Freitas

14 min

dicas home office
dicas home office

(Clique no player para o ouvir a narração do nosso post sobre Home Office! Deixe nos comentários o que achou.)

Nos últimos dias muitas empresas estão incentivando seus colaboradores a trabalhem remotamente, com objetivo de minimizar os impactos da Covid-19 em todo o mundo. Sabemos o quanto é importante o distanciamento social nesse momento, no entanto, o quanto também é difícil iniciar um modelo de trabalho diferente em meio a uma crise.

Trabalhar em casa, o famoso home office, é para alguns um privilégio bastante cobiçado. Afinal, ele permite que você evite o trânsito da hora do rush e elimine as banalidades da vida de escritório. Mas se afastar das interações espontâneas com outras pessoas pode ser um desafio para muitos.

A solidão pode levar ao isolamento ou à sensação de que você ficou “de fora”. Por isso, viemos te mostrar como combater a solidão e criar bons relacionamentos com os colegas mesmo trabalhando como home office em tempo integral.

Antes de continuar, confira os materiais gratuitos que selecionamos para você. Certamente eles irão garantir uma prática de home office muito mais produtiva: 

Agora, continue lendo este post e aprenda as 7 dicas de home office. São princípios eficazes que impedem o isolamento. Além disso, garantem a produtividade do seu trabalho em casa.

Home office aumenta a produtividade? Descubra aqui!

7 dicas de home office: mais produtividade, menos solidão

produtividade no home office

Quem está trabalhando como home office pode interagir com outras pessoas, basta se esforçar!

1. Crie um ambiente de trabalho em casa

As tarefas que você vai realizar no home office são as mesmas executadas no seu ambiente de trabalho. Para que elas sejam concluídas com o mesmo desempenho e qualidade, é indispensável escolher um cantinho dentro de casa para trabalhar.

Você não vai precisar de muita coisa! Uma mesa, uma cadeira confortável e um lugar tranquilo são suficientes. A criação dessa “estação de trabalho” evita distrações e contribui para sua produtividade.

2. Seja disciplinado

Dentro de casa você se sente à vontade e pode se vestir de maneira confortável. Esses fatores devem ser utilizados para motivar seu trabalho.

Mas, é necessário ser disciplinado para que atividades rotineiras ou aquele “cochilo no sofá” não interfiram no seu desempenho. Esteja sempre disponível durante o horário de trabalho e foque nas atividades que você precisa concluir.

3. Crie uma rotina

Estabelecer uma rotina de trabalho é excelente para otimizar seu tempo de serviço. Determine horários de início e término das atividades.

Como você já está em casa, muitas vezes se desligar das atividades ao final do dia não é uma tarefa fácil, por isso estabelecer uma rotina é importante. Não se esqueça de agendar suas pausas e cumpri-las à risca.

Lembre-se de que mesmo em casa você está trabalhando e obedecer aos horários é uma tarefa que deve ser cumprida por profissionais responsáveis.

4. Encontre pessoas como você

Os grupos de discussões, sejam via Facebook ou fóruns, permitem que você compartilhe sua rotina, como seus desafios e sucessos.

Além disso, é possível trocar conhecimentos de forma mais honesta, já que essas pessoas não trabalham na mesma empresa que você e não querem passar por cima de você no trabalho.

Primeiro, como você não está interagindo fisicamente com colegas de trabalho, é importante procurar uma comunidade on-line de profissionais parecidos com você.

Com a transformação digital em alta, a tecnologia muda com o tempo e você deve acompanhá-la para encontrar esses grupos.

Em segundo lugar, as conversas por vídeo são muito úteis para os adeptos ao home office.

Em vez de fazer ligações, é interessante fazer chamadas por Skype ou FaceTime para interagir com outras pessoas.

Essa é uma das mais importantes dicas de home office. Dessa forma, você consegue ler a linguagem corporal das pessoas. Assim, garante que elas tenham mais chances de lembrar de você e de te reconhecer.

É uma ótima forma de construir uma rede de networking!

Veja mais: Ferramentas de comunicação empresarial que estão revolucionando a maneira de trabalhar

5. Faça um esforço conjunto para aprender mais sobre a vida pessoal de seus colegas

Quando você trabalha em casa, há uma tendência natural de evitar “perder tempo” com conversa fiada.

Pode parecer uma boa ideia se concentrar exclusivamente em conversas relacionadas ao trabalho. Mas isso é um erro.

Entenda melhor a segunda das nossas dicas de home office:

De acordo com o psicólogo Robert Cialdini, uma “conversa fiada” pode parecer inútil mas, na verdade, ela é o cimento que cria sua base.

Ele acredita que muitas pessoas, principalmente nos Estados Unidos, tendem a não serem sociáveis e, como consequência, não criam um grupo de apoio.

Ele cita uma pesquisa que mostra que quando dois grupos de estudantes de MBA que não se conheciam foram solicitados a fazer uma negociação por e-mail.

55% dos que foram orientados a irem direto ao assunto fizeram um acordo. Enquanto isso, 90% dos que foram encorajados a compartilhar informações pessoais e encontrar pontos em comum um com o outro foram capazes de alcançar seus resultados.

Esse resultado foi comprovado pela pesquisa de Cialdini, que explica que quando você gosta de uma pessoa, ela tem mais capacidade de ser persuasiva.

E saber mais sobre as pessoas, assim como seus pontos em comum, acaba acelerando esse processo.

Veja também: Comportamento humano nas organizações: conheça 3 dicas para melhorar o desempenho da sua equipe

6. Não vá direto ao ponto durante as reuniões

Mesmo trabalhando com home office, você eventualmente precisará comparecer a algumas reuniões, sejam elas on-line ou presenciais.

Portanto, quando estes eventos ocorrerem, pergunte aos seus colegas sobre como foram suas férias, sobre seus filhos e outros assuntos pessoais.

Esses pequenos detalhes, que mostram que você se importa com a pessoa, podem gerar laços que permitem construir relacionamentos mais profundos. E eles não serão apenas profissionalmente benéficos. Você pode acabar conhecendo pessoas interessantes e se sentir menos solitário.

7. Informe aos demais moradores que você está trabalhando

É muito importante deixar claro para seus familiares que, mesmo estando em casa, você não está desocupado. Dessa forma, elas entenderão sua necessidade de se manter concentrado no serviço e evitarão barulhos desnecessários e outras atitudes que desrespeitem seu espaço.

O home office é uma prática de trabalho que tem sido estimulada por algumas empresas. Ela é vista como uma forma de evitar gastos para as organizações e contribuir para o maior desempenho dos colaboradores.

Baixe nosso E-BOOK para dominar a prática de Home Office 

Confira mais dicas práticas de home office:

  1. Saia de casa regularmente. Você pode mudar seu ambiente para sair da monotonia e conhecer outras pessoas indo trabalhar em um coworking;
  2. Compartilhe seu home office com outra pessoa. Chame um amigo para trabalhar junto com você em sua casa de vez em quando!
  3. Matricule-se em algum curso que tenha a ver com sua atuação profissional;
  4. Tenha uma vida social ativa;
  5. Sugira reuniões presenciais, quando for possível;
  6. Almoce com os colegas, nem que seja uma vez por semana;
  7. Compareça às festas de fim de ano e confraternizações, em geral, da empresa;
  8. Peça para ser copiado nos e-mails da sua equipe.

Concluindo: um pouco de solidão pode ajudar

Um pouco de solidão pode parecer uma realidade dura e inevitável quando você trabalha em casa, longe da agitação dos escritórios.

Embora seja importante ressaltar que nem todas as interações sociais precisam ser necessariamente feitas com humanos. Um estudo realizado em conjunto pela NPR, a Fundação Robert Wood Johnson e a Escola de Saúde Pública TH Chan de Harvard revelou que 87% das pessoas que relataram grande quantidade de estresse foram capazes de reduzi-lo drasticamente passando tempo com um animal de estimação.

Mas, seguindo as dicas de home office que falamos aqui, você consegue sair um pouco do isolamento e formar conexões significativas com colegas de profissão e de trabalho que pensem como você, mesmo que você não esteja lidando cara a cara com eles todos os dias.

Dicas extras para gestores 

Caso você seja gestor e esteja receoso com esse novo regime de trabalho, não se preocupe. Gerenciar uma equipe, mesmo de longe, é muito possível. Para isso, separamos algumas dicas para que você obtenha melhores resultados com essa prática. 

  • Não tente fazer microgerenciamento da sua equipe: deixe que o próprio colaborador decida como irá realizar suas tarefas.Desde que ele esteja em andamento com os projetos, você não tem com o que se preocupar. Trabalhar em home office com microgerenciamento do seu gestor pode se tornar algo muito estressante.  
  • Não fique o tempo todo olhando quem está online: além de não ser uma prática ética, desviará sua atenção do que realmente importa. Tente seguir ao máximo com suas estratégias e as suas próprias entregas dentro da empresa. 
  • Tenha confiança: confie nos seus colaboradores. Além de tirar um grande peso das suas preocupações, fará com que sua equipe performe muito melhor, uma vez que os colaboradores se sentirão muito mais motivados, vendo que você confia neles. 
  • Distribua tarefas e gerencie entregas: basicamente a melhor forma de gerenciar sua equipe remotamente é essa. Distribua tarefas e gerencie entregas. Caso as coisas não estejam saindo no prazo, faça reuniões individuais para entender o problema. 
  • Esteja sempre disponível: esteja sempre disponível para que os seus colaboradores venham conversar com você. Trabalhar em home office pode ser um grande desafio, além de ser também um pouco solitário. Por isso, ofereça apoio nesse momento. 
  • Não se esqueça do aspecto humano: pergunte com certa frequência como os membros da sua equipe estão se sentindo com esse regime de trabalho. Assim, você abrirá espaço para resolução de problemas, além de gerar motivação pelo princípio da reciprocidade. 
  • Forneça feedback e reconhecimento: essa é uma prática que muitas vezes é abandonada pelo gestores em trabalho remoto. Não se esqueça de fornecer feedbacks sobre o trabalho e reconhecer ações que geraram bons resultados. 
  • Seja mais objetivo: no momento de passar informações e distribuir tarefas, tente não ser muito prolixo, seja mais objetivo (o que não significa fazer reuniões mais curtas do que o necessário). A perda de contato próximo pode gerar ruídos na comunicação interna da equipe. 

Esperamos que com essas dicas você consiga investir no bom trabalho e mostrar competência mesmo remotamente. Por fim, lembre-se sempre de manter a calma e seguir as orientações das autoridades locais. Sabemos que muitos podem se assustar com a situação que estamos passando, mas desde que tomemos as medidas necessárias, tudo ficará bem.

O STRATWs ONE é um software de gestão de performance corporativa capaz de unir seu pessoal, a operação e a estratégia em busca de melhores resultados. Com ele é possível acompanhar facilmente diversos indicadores do seu negócio!

Revolucione a gestão da sua empresa com o STRATWs One