Gestão Estratégica

Metodologia Lean: como eliminar desperdícios na sua empresa

Metodologia Lean: como eliminar desperdícios na sua empresa

Publicação : 26/05/2020

Por Siteware

8 min

A Metodologia Lean é um assunto que já foi abordado em nosso blog algumas vezes. Em uma delas, mostramos como aplicá-la à gestão de projetos, provando que é possível desenvolver produtos que não apenas satisfaçam as necessidades dos clientes, mas que superem suas expectativas sem trazer prejuízos à organização.

Se antes a estrutura desenvolvida por Henry Ford priorizava a produção em massa e o trabalho repetitivo, hoje a realidade é diferente. Hoje, as empresas priorizam o que é necessário a fim de se adaptarem a um mercado cada vez mais competitivo. 

Pensando nisso, o post de hoje vai mostrar como utilizar a Metodologia Lean para eliminar desperdícios na sua empresa e garantir a saúde financeira do negócio. 

Entenda melhor a metodologia Lean e conheça outros métodos ágeis no nosso vídeo do nosso canal do YouTube:

Quais são os princípios da Metodologia Lean?

Aplicar a Metodologia Lean requer um conhecimento prévio sobre seus princípios. Confira, a seguir, quais são eles.

Identificar o valor para o cliente

Muito se fala sobre entender as necessidades dos clientes e entregar resultados alinhados às suas expectativas. Na prática, isso significa que cada processo deve ter como objetivo assegurar que eles terão aquilo que precisam. 

O primeiro passo é ouvir o que eles têm a dizer a partir de um atendimento consultivo e contínuo. Por mais que o for relatado não esteja no escopo para ser colocado em prática, registre o que for dito e demonstre empatia pelo problema ou sugestão. 

Organizar um fluxo de valor

Para que todos os processos estejam voltados para aos interesses dos clientes é preciso garantir que cada atividade desempenhada seja orientada por esse objetivo. Assim, certifique-se que os processos mais básicos até os mais avançados sejam pautados por esse propósito. 

Embora a área de Customer Success esteja na linha de frente no relacionamento com os clientes, é fundamental que todos os setores adotem essa cultura no dia a dia. Assim, esse diferencial é transmitido desde que o lead converte em um material até em um atendimento que solucione seu problema.

Determinar a cadeia de valor

Depois de ouvir e entender o problema do cliente é hora de mapear as ações necessárias para solucioná-lo. Caso sua solicitação demande mais tempo da equipe, organizar um fluxo de tarefas vai garantir que a solução seja entregue de forma mais rápida e com a qualidade esperada. 

Implementar a produção puxada

Uma das bases da Metodologia Lean é eliminar aquilo que não é necessário nas etapas de produção. Nesse caso, a ideia da  implementação da produção puxada assegura que que só haverá a produção de soluções que foram solicitadas pelos clientes. Um dos benefícios desse método é evitar desperdícios dentro da empresa, voltando esforços para o que de fato é essencial. 

Prezar pela qualidade

Prezar pela qualidade de uma solução é o que vai garantir a satisfação e a retenção dos clientes. Notou que o último princípio é o resultado de tudo que já foi dito até agora? Identificação de valores, organização do fluxo de trabalho e foco nas necessidades do cliente. Seguindo todos esses passos, não será difícil entregar resultados satisfatórios para o consumidor.

Como eliminar desperdícios na sua empresa?

Cuidado com o retrabalho

Quando objetivo é reduzir desperdícios, o retrabalho é o primeiro que deve ser combatido. Além de significar a perda de tempo investido na elaboração do produto, há também o desperdício de matéria-prima e outros componentes.  Nesse caso, foque sempre no controle de qualidade de produção, alinhando ao máximo todos os passos da confecção com a equipe.

Atente-se ao excesso de produção

Tão importante quanto o foco nas necessidades do consumidor é otimizar cada etapa de produção. Na prática, isso quer dizer reduzir processos que já não fazem mais sentido e acabam atrasando as entregas. Além disso, tais processos podem tornar a elaboração dos serviços onerosos para a empresa. Nesse caso, vale fazer uma análise sobre o quanto esses esforços são percebidos pelo cliente final.

Evite o processamento impróprio

A padronização de processos está presente no dia a dia de empresas que precisam manter uma cadeia de produção organizada. Acontece que, na prática, isso acaba se perdendo, dando lugar a um processamento excessivo. Exemplo disso são as falhas e defeitos em equipamentos, o que acaba resultando em uma lentidão na entrega dos serviços. Sendo assim, é importante manter um padrão recorrente de produção, seja investindo na manutenção de máquinas ou em outras áreas da organização. 

Reduza as movimentações desnecessárias

Você certamente já pensou “Essa reunião poderia ter sido um e-mail”. Acredite, muitas pessoas já passaram por isso. Levando isso para um cenário mais estratégico, fica cada vez mais claro que repensar os hábitos de locomoção é essencial para evitar desperdícios. 

Considerando o fato de que muitas empresas estão adotando o home office, por que não começar a observar como elas estão se comunicando e solucionando os seus problemas à distância? 

Além desse, existem outros tipos de movimentações, uma delas relacionadas ao transporte. Ele ocorre quando, entre uma localidade ou outra, pessoas ou produtos são deixados em locais específicos. Para que não haja gastos desnecessários de tempo e combustível, opte pelo transporte em uma única direção, evitando rotas opostas.

Evite o excesso de estoque

Como dito, focar os esforços de produção nas necessidades do consumidor evita desperdícios e garante uma melhor qualidade nas entregas. Essa prática ainda facilita a resolução de problemas referentes a estoques defeituosos, já que o número de produtos ociosos será consideravelmente menor.  Do contrário, produtos podem ser danificados, ultrapassar o prazo de validade e o espaço para armazenamento pode ficar reduzido.

Foque na gestão de competências

Por mais que a empresa conte com excelentes colaboradores, há casos em que eles são mal aproveitados em uma função. Trata-se do desperdício de capital humano, o qual acaba afetando a produtividade e a qualidade final da produção. 

Nesse caso, a gestão por competências pode ser um aliado e tanto para evitar o desperdício de talentos, alocando profissionais certos para os cargos certos.

Gostou deste conteúdo? Então não deixe de baixar nosso checklist de orçamento empresarial. Clique aqui para fazer o download gratuito.

Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *