Projetos

CPM: Como utilizar a Gestão de Performance Corporativa

CPM: Como utilizar a Gestão de Performance Corporativa

Publicação : 16/08/2017

Por Siteware

6 min

Gestão de performance corporativa
Gestão de performance corporativa

Acompanhar e comparar os resultados dos processos desenvolvidos pela empresa é algo imprescindível para o sucesso. Com esse tipo de gestão de performance corporativa, o chamado ROI – retorno sobre o investimento – pode ser mensurado e melhor controlado para que seu resultado seja sempre positivo.

O gerenciamento de desempenho é um conceito novo que surgiu como alternativa para as antigas técnicas de comparação de resultados das operações internas. Sabendo da importância desse tipo de gestão para as empresas, foram desenvolvidos sistemas de gerenciamento para essa análise ser feita com mais qualidade.

Conheça o CPM (Corporate Performance Management ou Gestão da Performance Corporativa) e como ele pode auxiliar sua organização!

O que é o CPM, Gestão de Performance Corporativa?

O CPM é um software de gestão de performance corporativa que fornece recursos em um grande número de áreas funcionais, como orçamento, planejamento, previsão, estratégia, consolidação, relatórios financeiros e divulgação para a gestão.

Dessa forma, ao utilizar essa ferramenta, você deve definir quais dessas análises são relevantes para o tipo de atividade que sua empresa possui. Saiba mais sobre a implantação da metodologia CPM com nosso passo a passo:

1. Decida onde implementar o CPM

Algumas empresas querem melhorar os resultados como um todo, enquanto outras podem querer focar em uma linha específica de negócios ou área da gestão. O CPM pode ser adaptado para fazer os dois, portanto, deve ser desenvolvido e personalizado de acordo com as demandas da empresa.

2. Determine as direções do projeto

É importante entender por que a equipe está se dedicando a cada projeto. No começo, por exemplo, seus recursos financeiros podem ser limitados e você pode desejar focar no controle deles. Dessa forma, você deve escolher análises que foquem nesse tipo de projeto.

Por exemplo, se você quer reduzir os custos em 10% sem afetar a receita ou a qualidade dos seus processos, é importante refletir como esse sistema de gerenciamento de desempenho deve atuar para melhorar o saldo final da sua empresa.

3. Decida onde e como o trabalho será feito

Vamos usar o orçamento como um exemplo comum. Primeiro, determine quais departamentos participarão no processo de orçamentação e estabeleça um calendário orçamentário para ajudar a gerenciar o processo ao longo do ano. Um pacote de software CPM com uma ferramenta de fluxo de trabalho pode ser útil nessa perspectiva.

4. Conheça diversos tipos de CPM

Antes de realizar um processo de seleção para o software CPM, tenha tempo para desenvolver um conhecimento prático sobre esse tipo de ferramenta.

É interessante você conhecer alguns modelos para ver qual se aplica melhor à necessidade da sua empresa, se contam com funcionalidades como um calendário CPM, por exemplo. Nessa fase, é preciso lembrar que o sistema de gerenciamento escolhido precisa trabalhar bem com outros softwares utilizados pela organização.

5. Identifique a liderança do projeto

A liderança pode incluir um executivo de TI e um executivo de finanças. A TI tem inúmeros papéis no sistema de gestão de performance corporativa, como a implementação, interoperabilidade de softwares e integração de dados.

O executivo de finanças deve ficar responsável por como e onde o trabalho é feito, o que melhora o desempenho geral.

6. Contrate um consultor, se possíve.

Muitas empresas envolvem suporte de consultoria externa, tanto para a estratégia geral de projetos quanto para gerenciamento. Contratar um consultor pode ser útil para decidir qual tipo de ferramentas utilizar em cada empresa e como fazer sua implantação da melhor maneira.

7. Escolha um pacote de software CPM

Com todo o conhecimento obtido, você pode passar para a seleção final do pacote. Peça aos fornecedores demonstrações detalhadas ou períodos de teste para experimentá-los. Além disso, pesquise opiniões e tire suas próprias conclusões sobre cada um até encontrar o que melhor se aplica às suas necessidades.

8. Implemente!

Faça um pequeno teste, primeiro em uma ou duas unidades de negócios, para ver como o a gestão se adapta. A implantação do software de gerenciamento de projetos pode ajudá-lo a sequenciar eventos críticos e criar um caminho para seus projetos e processos em geral.

Ainda tem dúvidas sobre como desenvolver o planejamento de projetos na gestão de desempenho? Baixe nosso e-book Guia do CPM: Tudo sobre Corporate Performance Management e saiba mais sobre essa metodologia!

E na sua organização, como é feita a gestão de performance corporativa? Se você gostou do conteúdo, se inscreva na nossa newsletter para recebê-lo diretamente em seu e-mail!

Texto adaptado daqui por:

Luiza AndradeEstudante de Jornalismo e estagiária de marketing na Siteware. Amante de fotografia, artes e aspirante à redatora.