.elementor-element .elementor-swiper .swiper { overflow: hidden; }

Quais os tipos de liderança? Conheça os 5 principais!

CONTEÚDO

quais os tipos de liderança

CONTEÚDO

Administrar uma equipe demanda um equilíbrio entre competências técnicas e habilidades interpessoais. No entanto, cada profissional estrutura o balanço entre os dois pilares de uma maneira, o que possibilita a existência de diversos tipos de liderança.

Para descobrir qual é o mais próximo do seu perfil, há inúmeros caminhos. Um deles é o teste de personalidade MBTI, que ajuda a entender, com mais clareza, o seu estilo de liderança.

Quer descobrir como preencher o perfil e usar outras técnicas para identificar o seu perfil? 

Então continue lendo este artigo para saber mais sobre o assunto.

Aproveite também e confira este vídeo com 7 dicas práticas para desenvolver a sua liderança: 

https://youtu.be/QJ80kwRqGgo

O que é ser um líder?

Ser um líder é inspirar e orientar indivíduos. É motivar, capacitar e moldar um ambiente colaborativo. Dessa forma, liderança envolve decisão, comunicação eficaz e integridade. Portanto, acima de tudo, ser líder é saber servir e direcionar o grupo ao sucesso coletivo.

Nesse sentido, ao invés de apenas delegar tarefas, o líder representa os interesses da organização. Para tanto, faz uso dos recursos existentes para formar uma equipe que trabalha em prol de objetivos em comum.

O profissional é capaz de desenvolver o potencial dos funcionários, colaborando para uma cultura organizacional saudável e, consequentemente, para o desenvolvimento da empresa.

Entretanto, como você sabe, existem diferentes tipos de liderança em uma empresa. No próximo tópico, vamos falar sobre cada um.

Quais são os principais tipos de liderança?

Os principais tipos de liderança existentes são:

  • liderança autocrática – focada no chefe;
  • liderança liberal – focada na equipe;
  • liderança democrática – focada no líder e na equipe;
  • liderança coaching – focada na performance;
  • liderança situacional – focada na maturidade dos profissionais e nas situações.

Vamos entender, em detalhes, como cada perfil se apresenta?

1. Liderança autocrática

Este é um dos exemplos de liderança que se define explicitamente pelo foco no gestor. Um líder autocrático se reconhece como principal tomador de decisões, portanto, a influência dos membros da equipe (os colaboradores) é minimamente considerada.

Em vez de agir como um líder, o gestor atua mais como um supervisor rigoroso, monitorando de perto seus empregados.

Em outras palavras, ele mantém um olhar atento sobre a equipe, demandando desempenho sem considerar diferentes pontos de vista ou valiosas sugestões.

Suas ações tendem a ser restritivas e o ambiente de trabalho é frequentemente tenso. Felizmente, esta abordagem de liderança, mais tradicional, vem sendo substituída por novas formas.

Contudo, ainda é possível identificar a prática não apenas em grandes corporações estabelecidas, mas também em pequenas empresas.

Algumas consequências negativas do estilo gerencial autocrático incluem elevada rotatividade de colaboradores e falta de motivação, levando a uma redução na eficiência da equipe.

2. Liderança liberal

A liderança liberal, também conhecida como laissez-faire, é o antônimo da liderança autoritária, promovendo total autonomia para o time.

Nesse cenário, os membros trabalham de forma independente, resolvendo desafios e identificando novas direções e possibilidades.

Neste formato, a figura central do líder é minimizada. No entanto, a equipe, composta por profissionais conscientes, competentes e habilidosos, avança constantemente sem uma direção explícita.

Por demandar uma confiança robusta nos membros, esse estilo de liderança não é frequentemente adotado.

Mesmo que traga vantagens aparentes, como o empoderamento, seus desafios podem ser significativos.

Operar um grupo sem um monitoramento direto pode levar a inconsistências na performance e nas entregas.

Além disso, o feedback – seja ele construtivo ou elogioso – serve como meio para os gestores incentivarem e aperfeiçoarem seus times.

3. Liderança democrática

A liderança democrática se caracteriza pela inclusão ativa dos membros da equipe. Suas vozes são valorizadas e as deliberações são tomadas pelo líder com foco no benefício coletivo.

Este gestor busca potencializar o desenvolvimento dos membros do time, proporcionando chances de crescimento a cada funcionário.

Uma abordagem democrática na liderança é fundamental para estabelecer uma cultura organizacional saudável, centrada no reconhecimento e nas aspirações de cada um.

Quando bem executada, esta forma de gerenciamento intensifica a interação entre gestores e colaboradores, na medida em que minimiza barreiras hierárquicas e promove um ambiente mais confortável.

Como resultado, há um aumento na motivação e na dedicação, otimizando o desempenho de todos.

4. Liderança coaching

Aqui, o líder atua como um mentor, incentivando e auxiliando o time a cumprir suas metas e objetivos. Ele foca no aprimoramento das competências e nos talentos dos membros para incrementar gradualmente seu rendimento.

O profissional também monitora o desenvolvimento pessoal, oferece retornos construtivos e elabora estratégias para intensificar o desempenho do grupo.

Assim, os membros se sentem mais motivados e seguros para entregar constantemente seu máximo potencial.

5. Liderança situacional

A última forma de liderança apresentada pode ser condensada na palavra versatilidade. O líder adaptativo exibe flexibilidade e prontidão diante de variações, desafios e requisitos.

Tal profissional se destaca na gestão de transformações e está preparado para guiar e alinhar os membros da equipe em variadas tarefas.

Ele também tem a habilidade de desempenhar múltiplos papéis conforme cada contexto, garantindo êxito independentemente da experiência dos colaboradores – desde o aprendiz até o especialista – e das distintas circunstâncias que a liderança enfrenta.

Agora que falamos dos principais tipos de liderança, vamos entender como podemos identificar cada um?

Mas antes leia também: Você sabe o que é pipeline de liderança? Acelere sua carreira com ele

Como identificar os tipos de liderança?

A metodologia MBTI é uma ferramenta muito útil para identificar diferentes personalidades dentro ou fora do ambiente de trabalho. Basicamente, o que o teste defende é que existem 16 tipos de personalidades diferentes, que podem ser definidas de acordo com algumas características principais.

Tais características, identificadas por letras, têm, como base, as seguintes classificações:

  • Extrovertidos (E) ou Introvertidos (I);
  • Sensoriais (S) ou Intuitivos (N);
  • Racionalistas (T) ou Sentimentais (F);
  • Julgadores (J) ou Perceptivos (P).

Para realizar um teste MBTI, é preciso responder algumas perguntas assinalando com “concordo totalmente”, “concordo em partes”, “indiferente”, “discordo em partes” ou “discordo totalmente”.

De acordo com as respostas, cada pessoa recebe uma combinação de letras que define seu estilo de liderança.

Quer ver um exemplo?

Imagine uma pessoa extrovertida, intuitiva, racionalista e perceptiva. Essa combinação resultaria em ENTP. Sabe o que isso significa? Que o profissional em questão é um líder inovador!

Interessante, não é mesmo? Vamos ver quais são os demais estilos de liderança, de acordo com o teste MBTI? Siga em frente! 

Confira em nosso blog: Qual é o seu perfil de administrador? Conheça 5 tipos de liderança!

Quais são os estilos de liderança de acordo com o MBTI?

Independentemente das perguntas que responder em um ou outro teste MBTI, seu perfil sempre será relacionado a um dos quatro grupos possíveis: analistas, diplomatas, sentinelas e exploradores.

Para cada um, existem mais quatro personalidades e perfis de liderança atribuídos. Veja abaixo todos eles!

Analistas

1. Arquiteto (INTJ)

Líderes que pensam estrategicamente e têm planos para tudo. De forma ambiciosa, usam sua criatividade para unir a equipe e alcançar bons resultados para a empresa.

2. Lógico (INTP)

Os líderes lógicos têm sede de conhecimento e voltam seus esforços para inovações. Grandes inventores se encaixam nessa personalidade, como foi o caso do físico Albert Einstein.

3. Comandante (ENTJ)

Engloba líderes ousados, criativos e determinados. Caso não encontrem um caminho para determinada situação, não há problema algum. Afinal, eles são capazes de criar seu próprio caminho.

4. Inovador (ENTP)

Líderes inovadores são inteligentes por natureza. Geralmente, são pensadores e não resistem a grandes desafios. Quem segue esse tipo de liderança com certeza aprenderá com novas descobertas e conhecimentos.

Diplomatas

5. Advogado (INFJ)

O primeiro do grupo dos diplomatas, o líder “advogado” é mais idealista. Geralmente vai atrás daquilo que acredita, sempre inquieto e procurando inspirar sua equipe com fortes discursos e ações concretas.

6. Mediador (INFP)

Por mais reservados que possam parecer, os líderes mediadores são altruístas e idealistas. Estão sempre dispostos a ajudar sua equipe e colocam os princípios à frente dos “resultados a qualquer custo”.

7. Protagonista (ENFJ)

O protagonista é aquele líder carismático, que inspira pela boa capacidade de se comunicar e relacionar-se com as pessoas.

8. Ativista (ENFP)

Como todo ativista, o líder com essa característica é livre, criativo e sociável. A empolgação e a independência fazem parte de sua personalidade.

Sentinelas

9. Logístico (ISTJ)

Você provavelmente já trabalhou com uma pessoa dedicada, prática e em quem, geralmente, pode confiar de olhos fechados. Estas são as características do líder logístico. Apenas tenha cuidado com a indecisão perto desse perfil, uma vez que a praticidade é chave de sua personalidade.

10. Defensor (ISFJ)

O líder defensor é aquele que protege e defende sua equipe, sempre usando a empatia e colocando-se no lugar do outro. A generosidade é uma de suas principais características.

11. Executivo (ESTJ)

Bom administrador, o executivo é um líder insuperável no que faz, com capacidade de gerenciar qualquer time com muita competência.

12. Cônsul (ESFJ)

As pessoas que se encaixam nesse tipo de personalidade costumam ser sociáveis e, consequentemente, mais populares. Sempre dispostas a ajudar e atentas às necessidades da empresa e da equipe.

Exploradores

13. Virtuoso (ISTP)

Arrojados e práticos, os líderes virtuosos se diferenciam por explorarem, aprenderem e usarem com eficácia diferentes tipos de ferramentas.

14. Aventureiro (ISFP)

Um líder aventureiro é mais flexível às novas ideias e tentativas, sempre prontos para vivenciar coisas novas.

15. Empresário (ESTP)

Os empresários, naturalmente, devem procurar ser grandes líderes. Inteligentes, enérgicos e perspicazes, para eles, viver no limite e sob pressão não é um problema.

16. Animador (ESFP)

Para finalizar, o líder animador é sempre aquele espontâneo e, claro, empolgado. Sua energia geralmente contagia os demais, e, por isso, sempre busca novas maneiras de incentivar e motivar sua equipe.

Como você viu, existem 5 tipos de liderança. Todavia, há mais 16 estilos de gestores divididos em 4 grandes grupos. Então, qual desses é o mais usado nas empresas atualmente? 

Vamos entender.

Qual o tipo de liderança mais usado nas organizações?

O tipo de liderança mais comum nas organizações tende a ser influenciado pela necessidade de adaptabilidade e resposta rápida às mudanças do ambiente de negócios. Nas últimas décadas, temos observado uma transição de modelos de liderança autoritários para estilos mais colaborativos e flexíveis.

A ideia de liderança transformacional tem emergido como uma das preferências de muitas organizações. Estes líderes inspiram e motivam seus colaboradores ao apresentar uma visão clara do futuro e encorajar um compromisso profundo com a missão da empresa.

Eles não só orientam suas equipes, mas também as impulsionam a ultrapassar seus limites e a trabalhar para objetivos que vão além de metas individuais.

Além disso, com o ambiente de negócios tornando-se cada vez mais dinâmico, a liderança situacional, que se adapta conforme a situação e a maturidade dos colaboradores, está ganhando tração.

A abordagem reconhece que não existe uma única “melhor” maneira de liderar e que a eficácia da liderança é, muitas vezes, determinada pela capacidade de ajustar o estilo ao contexto específico.

Finalmente, o desejo de inclusão e de aproveitar a diversidade de pensamento tem promovido a liderança participativa ou democrática.

Esta abordagem favorece a tomada de decisão coletiva, permitindo que as ideias fluam livremente e que todos os membros sintam-se valorizados e ouvidos.

Em resumo, não há um tipo de liderança mais usado nas organizações. No entanto, há um consenso sobre o fato de que líderes autocráticos estão com os dias contados no mercado de trabalho.

Saiba mais: 7 livros sobre liderança que você não deve deixar de ler

Como deixar o ambiente mais colaborativo?

Agora que você já sabe que existem inúmeros estilos de liderança, é preciso ter em mente que um bom sistema de gestão pode fazer a diferença em uma organização.

Portanto, para garantir uma boa liderança, o melhor caminho é contar com um software de gestão de projetos. A ferramenta ajuda a visualizar o status de toda a sua equipe, permitindo um gerenciamento e monitoramento da atividade de todos.

Com esse sistema de gestão empresarial, você conecta os indicadores de desempenho e os coloca no centro, facilitando a tomada de decisões e otimizando a performance do seu negócio.

Um software de gestão que se destaca no mercado é o STRATWs One, que te dá mais tempo para planejar, gerenciar e engajar a sua equipe para uma cultura de resultados.

 Revolucione a gestão da sua empresa com o STRATWs One! 

solicitar demonstracao 5 Quais os tipos de liderança? Conheça os 5 principais!

assinatura mar 18 daniella 5 Quais os tipos de liderança? Conheça os 5 principais!

Daniella DoyleJornalista e Publicitária de formação, está no mercado há mais de 15 anos com foco em gerar resultados para empresas B2B por meio de estratégias online e offline. Adora uma nova tendência e trabalhar com métricas e metas. É gerente de marketing na Siteware e, quando sobra um tempinho, aproveita para tricotar e pintar!

Agora que você já conhece os tipos de liderança, que tal descobrir alguns erros a evitar? Então, baixe nosso infográfico gratuito: 10 péssimos hábitos de liderança