.elementor-element .elementor-swiper .swiper { overflow: hidden; }

O que é team building? Como ele pode ajudar sua equipe a ser mais produtiva?

CONTEÚDO

team building

CONTEÚDO

Você sabia que um cenário saudável e positivo pode ser um dos principais responsáveis no aumento da produtividade das empresas? Segundo uma pesquisa da Sodexo, esse resultado pode chegar até 86% de melhoria. Por isso, é hora de falar sobre team building aí na sua organização.

O conceito de team building surgiu no final da década de vinte do século passado. Ele se baseia nos resultados das experiências comportamentais de Hawthorne, bairro onde se localizava uma unidade da Western Electric Company, em Chicago.

De lá para cá o conceito evoluiu bastante, como não poderia deixar de acontecer em quase um século. Na atualidade, ele é um conceito importante para que as equipes passem a estar mais integradas e com relações fortalecidas, principalmente em uma época em que o home office se faz tão presente.

Neste post, você vai entender melhor o que é team building, quais são as suas vantagens e como ele pode ajudar na gestão de equipes em seu negócio.

Continue a leitura e aproveite!

template feedbacks

O que é team building, afinal?

Para entender o que é team building você deve ter em mente que um grupo de pessoas reunidas não é necessariamente um time.

Quando dois ou mais indivíduos estão reunidos, isso é um grupo. Mas só quando esse grupo de pessoas tem um objetivo comum e agem a favor dele é que podemos dizer que se trata de um time, de uma equipe. É o clássico exemplo dos times de futebol.

Dessa forma, o team building é um conjunto de técnicas e atividades destinadas a fortalecer os laços entre os integrantes de um grupo, com o objetivo de transformá-lo em um time coeso, que trabalha de forma colaborativa, tem objetivos comuns e compartilhar informações e conhecimentos.

Essas atividades são diferentes das que são aplicadas em um treinamento técnico, por exemplo, e são, normalmente, focadas no aprofundamento das relações com dinâmicas que envolvam desafios com o propósito de engajar os participantes.

Com isso, a motivação, o engajamento, a criatividade, a inovação e a produtividade tendem a aumentar, trazendo excelentes resultados para a empresa.

Quais são os impactos do team building no clima organizacional?

A prática do team building tem o potencial de gerar vários impactos positivos no clima organizacional, afetando o ambiente de trabalho de maneira significativa. Alguns deles são:

  1. Melhoria na comunicação: as atividades de team building geralmente envolvem comunicação aberta e eficaz entre os membros da equipe. Isso pode melhorar a comunicação no ambiente de trabalho, reduzindo mal-entendidos, melhorando a troca de informações e promovendo um ambiente onde os colaboradores se sintam à vontade para expressar suas opiniões.
  2. Fortalecimento das relações interpessoais: o team building também incentiva os membros da equipe a trabalhar juntos em tarefas não relacionadas ao trabalho cotidiano. Isso ajuda a criar laços mais fortes entre os colegas, aumentando a confiança e a cooperação mútua. Relações interpessoais positivas têm um impacto direto no clima organizacional.
  3. Redução de conflitos: o team building pode ajudar a diminuir os conflitos dentro da equipe, uma vez que os membros aprendem a entender melhor as perspectivas uns dos outros e a lidar com desafios de maneira colaborativa. Isso pode resultar em um ambiente mais harmonioso e produtivo.
  4. Maior senso de pertencimento: participar de atividades de team building pode fazer com que os funcionários se sintam parte integrante da equipe e da organização. Isso gera um senso de pertencimento e orgulho, o que contribui para um clima organizacional mais positivo.
  5. Melhoria na resolução de problemas: as atividades de team building frequentemente envolvem a resolução de problemas em grupo. Ao praticar essas habilidades em um ambiente descontraído, os membros da equipe podem se tornar mais proficientes em resolver problemas juntos no ambiente de trabalho.
  6. Aumento da motivação: o team building pode aumentar a motivação dos funcionários, uma vez que eles podem sentir que estão fazendo parte de algo maior do que apenas suas tarefas individuais. Isso pode levar a um maior esforço e dedicação ao trabalho.
  7. Melhoria da satisfação no trabalho: quando os colaboradores têm relações positivas com seus colegas e se sentem valorizados e envolvidos, é mais provável que eles estejam satisfeitos no trabalho. Isso contribui para um clima organizacional saudável e para a retenção de talentos.

4 exemplos de atividades de team building

Para te ajudar a entender mais como o treinamento de team building pode ser aplicado na rotina e no dia a dia da empresa, separamos alguns exemplos para você:

1- Duas verdades e uma mentira

Essa dinâmica costuma ser aplicada como um modelo de apresentação de pessoas, para que os demais possam conhecê-la melhor. Para isso, cada participante da dinâmica deve contar duas verdades e uma mentira, permitindo assim que os demais possam discutir entre si as suas opiniões.

O legal é que quem souber da resposta não conte para os demais, permitindo assim que haja comunicação para chegarem a um senso que faça sentido, de acordo com as informações que eles conhecem da pessoa até ali.

2- Dragon boat

O barco dragão é uma embarcação que é movida pela força humana na água. Se a sua empresa deseja construir uma experiência bem legal, essa dinâmica em ambiente náutico pode ajudar. Isso porque são colocadas em torno de 20 pessoas em um barco e ele se move de acordo com a sincronia dos remos.

Na prática, será preciso que toda a equipe trabalhe a sincronia, sinergia e comunicação para garantir que a embarcação se mova e chegue à linha de chegada.

Além disso, é fundamental que a construção das equipes seja de forma totalmente aleatória, já que algumas atribuições físicas podem ser benéficas para essa atividade física.

3- Torre de lego

Você já montou algo com lego? Se sim, sabe que os encaixes são ótimos e tudo funciona muito bem. No entanto, e se para construir uma torre você tivesse um objetivo?

A lógica dessa dinâmica é que cada pessoa receberá um conjunto de peças (em torno de 10) e que uma torre só seja construída por equipe. O diferencial é que cada colaborador terá um objetivo único que precisa ser atendido para a dinâmica funcionar, como:

  • A primeira linha da torre precisa ser branca;
  • A torre precisa ter 10 andares;
  • A torre deve ter 4 pernas;
  • Deve ser utilizado uma sequência de 2 linhas azuis.

Um ponto importante é que o objetivo de nenhum membro da equipe deve sobressair o do outro, garantindo assim que todos sejam alcançados e o foco seja no trabalho em equipe para ajudar a todos.

4- Círculo dos Valores

Nesta atividade, os membros da equipe se reúnem em um círculo e discutem os valores individuais que consideram mais importantes no trabalho e na vida. Cada pessoa compartilha um valor e explica por que ele é significativo. Após cada pessoa compartilhar, um objeto (como uma bola ou um objeto simbólico) é passado ao próximo participante para que eles compartilhem seu valor.

Essa atividade ajuda a criar um ambiente de respeito mútuo, em que os membros da equipe podem entender as prioridades e as perspectivas uns dos outros. Isso também pode levar a discussões mais profundas sobre como os valores individuais se alinham com os valores da equipe e da organização.

Como começar esses treinamentos nas empresas?

Para começar um processo de team building em sua empresa, você pode incentivar happy hours e outras atividades em grupo. Além disso, práticas fora do local de trabalho, como assistir a uma peça de teatro com os colegas, ou mesmo uma visita acompanhada das crianças (quem tiver) a um zoológico.

Se a empresa puder organizar tudo isso e pagar pelos ingressos, melhor ainda!

A lógica é que exista ambiente em que as pessoas da organização possam socializar e se conhecer melhor, além de apenas no trabalho. Afinal, por trás de todos os profissionais, há uma pessoa com objetivos, estilos de vida e medos.

O objetivo é garantir que os colaboradores possam se conhecer para que o trabalho em equipe seja fortalecido pelas construções sociais.

Mas apenas isso não basta. Veja como fazer a “construção de times” na prática:

people analytics

1. Aumente a socialização e o entrosamento da equipe

Quem se conhece melhor, trabalha melhor em grupo!

Saber quais são as forças, fraquezas dos colegas e seu jeito de ser, é muito vantajoso. Assim, na hora que o colaborador precisa de ajuda ou conselho, sabe exatamente a quem pedir. E, além disso, como pedir.

Por exemplo: enquanto um colega de trabalho pode ser super interativo e estar a sua disposição para te ajudar, outro vai te pedir para marcar na agenda dele a reunião. Dessa forma, deixa claro que a forma de atuação de um não quer dizer que ele está com má vontade, apenas que é o jeito daquela pessoa.

Ao gerar essa empatia no time, os projetos e atividades fluem com mais rapidez, porque cada um se dedica ao que sabe fazer melhor, com o apoio dos colegas.

Uma atividade prática que pode ajudar a entrosar seu time é a dinâmica “Quem eu levaria?”. Você conhece? Então, veja como fazer neste vídeo:

2. Estimular a competição saudável

Rivalidade é uma coisa, competição é outra. Para aumentar a união dos times, você pode criar “competições” entre áreas ou até entre times do mesmo departamento, promovendo engajamento e motivação nas equipes.

Uma atividade que traz excelentes resultados nesse sentido são gincanas para arrecadar alimentos para creches ou casas de acolhimento de idosos sem fins lucrativos.

Organize uma atividade como essa e veja como seus colaboradores vão se unir em torno de uma causa!

3. Fomentar o surgimento de lideranças naturais

Quando se está construindo um time, lideranças naturais começam a despontar. Aquele colaborador que consegue organizar as tarefas e atividades, motivar os colegas e direcionar os esforços, mesmo sem um cargo formal de liderança.

E, como dissemos, são as atividades práticas que ajudam a formar um time. E com um pouquinho de atenção, os líderes podem usar essas atividades para identificar potenciais lideranças para o futuro da empresa. E não só gestores de pessoas, mas também líderes técnicos, que se dispõe a ajudar e treinar os colegas.

É claro que não tem uma relação exclusivamente direta com o surgimento de líderes dentro dessas gincanas, mas pode servir de pontapé para um mapeamento de potenciais referências.

4. Tornar o ambiente de trabalho mais saudável e divertido

Nada pior que ir para o trabalho pensando que vai encontrar colegas pessimistas, que não te ajudam a progredir e, pior que isso, até sabotam suas realizações.

Isso é muito comum em empresas que estimulam excessivamente a competição. O que leva a um clima organizacional ruim, que impede a formação de um time coeso e com objetivos comuns.

Trabalhar o team building fará com que todos tenham prazer em trabalhar em sua empresa. As dificuldades serão encaradas como desafios, não como problemas. Afinal, todos podem contar com a ajuda dos outros para superar qualquer adversidade.

Quer conhecer outras formas de motivar e integrar sua equipe? Então baixe um de nossos e-books gratuitos: Matriz de Competências e o RH Estratégico

5. Motivar o grupo

Se todos os pontos que relacionamos acima estiverem funcionando adequadamente, é bem provável que seu time esteja extremamente motivado.

Essa é uma das grandes vantagens do team building: a união leva à criação de um sentimento de “fazer parte de algo”. Assim, as pessoas se sentem integradas no grupo, aceitas e valorizadas. Por isso, sua autoestima e motivação se tornam muito elevadas!

Quer trabalhar em sua empresa? Então, assista a mais este vídeo:

Próximos passos

Saiba mais: Como fazer gestão de equipes: as 6 dicas fundamentais para impulsionar seus colaboradores

O STRATWs One é um software de gestão de performance corporativa. Assim, ele ajuda você a acompanhar a performance de pessoas, equipes e projetos em tempo real. Por isso, é ideal para monitorar os resultados de sua estratégia de team building.

stratws one