gestão de projetos

Entenda como o Kaizen de melhoria contínua pode ajudar a gestão dos processos organizacionais

Entenda como o Kaizen de melhoria contínua pode ajudar a gestão dos processos organizacionais

Publicação : 01/06/2021

Por Viviane Rodrigues

8 min

Kaizen melhoria contínua
Kaizen melhoria contínua

Organização e otimização de processos, maior produtividade e melhores resultados são assuntos presentes na rotina de todas as grandes empresas que buscam crescer e conquistar seu espaço em um mercado concorrido. 

E é por isso que a filosofia Kaizen de melhoria contínua vem cativando cada vez mais usuários. Apesar dessa ferramenta de origem japonesa ter sido criada nos anos 50, ela ganhou notoriedade nos últimos anos por ser adotada por grandes empresas ao redor do mundo que buscam aprimorar processos.

Quer entender o que é a filosofia Kaizen de melhoria contínua e como aplicá-la no seu negócio? Continue a leitura!

O que é o método Kaizen de melhoria contínua?

Criado por W. Edwards Deming logo após o fim da Segunda Guerra Mundial, o Kaizen de melhoria contínua tem como princípio a adoção de pequenos hábitos diários, que são estimulados rotineiramente pelos supervisores diretos do setor a fim de torná-los mais eficazes a longo prazo. A formação da palavra Kaizen, inclusive, diz muito sobre o conceito em si.

Na cultura asiática, “Kai” representa mudança e a sigla “Zen” indica virtude ou bondade. Portanto, Kaizen é um método que indica mudanças para melhor.

Para que o Kaizen de melhoria contínua seja implementado em uma organização, é importante destacar os três pilares necessários para a boa execução da ferramenta. São eles:

  • Redução de custos;
  • Redução de desperdícios;
  • Aumento constante da produtividade. 

Quando esses três pilares conseguem ser aplicados na rotina do funcionário da linha de produção até o CEO da empresa, isso pode significar uma empresa com mais segurança e com uma melhor cultura empresarial.

Mas há uma área em especial dentro das organizações que a filosofia Kaizen de melhoria contínua conquistou seu espaço: no marketing. Prova disso são as empresas de renome comercial que aderiram à ideia no mundo todo. 

No Brasil, a WEG, presente no setor de máquinas elétricas, automação e sistema de energia para indústrias, a Siemens de Manaus e a Ingersoll-Rand são cases de sucesso quando o assunto é a metodologia Kaizen e seus benefícios de execução. 

Outro conceito que está muito próximo ao Kaizen de melhoria contínua é o Lean Manufacturing, que você pode conhecer no vídeo abaixo:

Quais são os tipos de Kaizen?

Agora que você já sabe o que é o Kaizen de melhoria contínua, é importante saber também que dentro desse método existem três grandes áreas de atuação para alcançar a melhoria contínua: amplitude, profundidade e estruturação. 

Amplitude

A amplitude, o primeiro dos três tipos de Kaizen, é usado para dar amplitude a possíveis problemas mais extensos e solucioná-los da melhor forma possível – normalmente conciliando dois fatores fundamentais: “ganho rápido e curto período”.

De acordo com o mantra proposto por W. Edwards Deming, a prática VSM, também conhecida como Mapeamento da Cadeia de Valor, é uma forte aliada nesse quesito. Nessa prática, é possível criar uma visualização detalhada de todos os passos no seu processo de trabalho para que você consiga visualizar as diferentes tarefas executadas em um único espaço.

Profundidade

Quando uma empresa tem como intenção aplicar a metodologia Kaizen para buscar resultados, a profundidade pode ser a melhor opção para o seu negócio, visto que essa vertente tem como objetivo buscar soluções para questões aparentes, com saídas pré-definidas, mas sempre de forma inteligente

É como “corrigir o problema pontual” desde a raiz até o final, sem margem de erro à vista.

Estruturação

Por último, mas não menos importante, também há o Kaizen de estruturas. Usado por líderes e gestores na criação de planos e projetos de crescimento, sua visualização sempre inclui a participação de todos os envolvidos e na responsabilidade que cada funcionário tem no decorrer dos planos. 

Isso porque dois dos princípios básicos da metodologia são a união e motivação da equipe no ambiente de trabalho para que metas sejam alcançadas.

Como aplicar o Kaizen de melhoria contínua em uma empresa?

Já aprendemos que a filosofia Kaizen de melhoria contínua é usada mundialmente e pode ser responsável por grandes retornos financeiros – tudo isso quando investido não apenas nas operações, mas também em pessoas e nas práticas utilizadas no meio do caminho.

Mas como aplicar a metodologia Kaizen sem torná-la um projeto com início, meio e fim? Pegue o papel e a caneta e anote três dicas valiosas:

Crie constância

O primeiro passo para ter uma equipe produtiva e em constante rendimento (leia-se faturamento) é mostrar competitividade no mercado de trabalho. Ou seja: crie empregos, mostre propósitos e proporcione melhorias de produtos e serviços interna e externamente.

Reduza os desperdícios

A filosofia Kaizen de melhoria contínua tem como principal objetivo melhorar a produtividade da empresa e alçar lucros ainda maiores. 

Mas para isso acontecer, é preciso instituir padrões e regras que contribuam para a redução de desperdícios e que mudem a mentalidade de toda a organização a fim de alcançar as metas visadas.

Crie um bom ambiente de ação

Feito os dois passos citados acima, em que estão garantidas a melhor mão-de-obra e os maiores rendimentos, chega o momento de se certificar que os processos estão sendo desenvolvidos corretamente.

De acordo com a metodologia Kaizen, criar um bom ambiente de ação, com treinamentos constantes de aperfeiçoamento, supervisão apropriada e responsabilidades bem distribuídas, de modo que o sucesso mensal da marca seja responsabilidade de cada um dos colaboradores, é de extrema importância para que o foco seja mantido e a transformação feita.

Além disso, lembra da rotina criada em torno de pequenos atos que citamos no início do texto? Pois anote novamente: distribuir pequenas tarefas que possam ser realizadas todos os dias, em equipe ou até mesmo individualmente, faz parte desse processo (ou mantra de execução). 

Segundo os especialistas japoneses, isso é fundamental para a construção de hábitos positivos.

Agora que você já aprendeu o que é a filosofia Kaizen de melhoria contínua, queremos saber: você está disposto a aplicar métodos como esse para obter resultados constantes e a longo prazo? 

Se você disse sim, temos mais uma dica de ouro: o STRATWS One, sistema de gestão de performance corporativa da Siteware. Já que ele é ideal para monitorar as atividades e o andamento dos processos, a implementação do Kaizen se torna mais rápida e fácil.Comece hoje a revolucionar a gestão da sua empresa com o STRATWs One com uma demonstração gratuita do software.

Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *