Gestão Estratégica

Saiba o que é gestão da mudança organizacional e como fazer em 6 passos

Saiba o que é gestão da mudança organizacional e como fazer em 6 passos

Publicação : 06/06/2019

Por Siteware

10 min

Você sabe o que é gestão de mudanças?

Empresas que não sabem se adaptar a mudanças, sejam qual for a natureza delas, estão fadadas ao fracasso.

O mundo dos negócios é bastante dinâmico e sujeito a diversas transformações do ponto de vista mercadológico, jurídico, social, econômico, político, tecnológico, ambiental etc.

Nesse sentido, o que faz uma empresa se destacar é a habilidade que ela tem de lidar com esse dinamismo e obter o máximo de vantagem possível.

Pensando nisso, falaremos hoje sobre o que é gestão de mudanças nas organizações, os principais benefícios dessa prática e como implementar por meio de 6 simples passos.

Confira e saiba o que fazer para promover esse tipo de gestão no seu negócio e como fazer gestão de mudanças organizacionais.

Dúvidas sobre gestão? Estes materiais podem ajudar você:

Leia também: 10 livros sobre mudança organizacional que você deve ler para conhecer profundamente este tema

O que é gestão de mudanças organizacionais?

O conceito de gerenciamento de mudanças remonta ao início da primeira metade do século XX. O modelo de três fases para a mudança, de Kurt Lewin, foi desenvolvido na década de 1940; o livro de Everett Rogers, Difusão de Inovações, foi publicado em 1962. No entanto, somente na década de 1990 que a gestão de mudança tornou-se bem conhecida no ambiente de negócios, se popularizando de vez a partir dos anos 2000.

gestão da mudança organizacional

Mas, afinal, o que é gestão da mudança organizacional? Em linhas gerais, podemos defini-la como um conjunto de práticas e estratégias que têm como objetivo promover uma transição e uma adaptação mais saudável e menos brusca e traumática em uma organização.

Trata-se de um processo em que os gestores, junto com as equipes, procuram vivenciar as transformações (tangíveis ou não) de modo a extrair delas o máximo de oportunidades possíveis.

A gestão da mudança organizacional é definida também como uma metodologia devidamente estruturada que prepara e guia a empresa durante as transformações que estão ocorrendo. Assim, é ela que dá aos gestores e aos colaboradores as condições necessárias para que eles se adaptem às mudanças sem muitas dificuldades e resistências.

De fato, essa não é uma tarefa fácil. Mas, para te ajudar, elaboramos aqui um passo a passo com as principais etapas que você deverá seguir para implementar uma eficiente gestão de mudança na sua empresa. Dessa forma, poderá garantir que o seu negócio continue alcançando bons resultados.

Antes de ver o passo a passo de como fazer gestão de mudanças organizacionais, confira seus princípios:

gestão da mudança organizacional

Veja mais: 7 exemplos de mudança organizacional para se inspirar e aplicar nos negócios

6 passos de como fazer a gestão da mudança organizacional

Vejam, agora, como fazer gestão de mudanças organizacionais na prática!

Passo 1 – Defina claramente a mudança e alinhe-a aos objetivos de negócios

Pode parecer óbvio, mas muitas organizações perdem esse primeiro passo vital. Uma coisa é articular a mudança necessária e outra completamente diferente é conduzir uma revisão crítica em relação aos objetivos organizacionais e metas de desempenho.

Assim, se garantirá que a mudança leve sua empresa à direção certa do ponto de vista estratégico, financeiro e ético.

Essa etapa também pode ajudá-lo a determinar o valor da mudança, que quantificará o esforço e o investimento necessário.

Perguntas-chave:

  • O que precisamos mudar?
  • Por que essa mudança é necessária?

Passo 2 – Determine os impactos e os afetados pela mudança

Depois de saber exatamente quais são as mudanças e o que se pretende alcançar com elas, você precisa determinar os impactos que essas transformações podem causar em diferentes níveis organizacionais.

Por isso, revise o efeito em cada departamento e como ela ocorre em cascata através da estrutura organizacional para os indivíduos. Assim, essas informações começarão a indicar o esquema de onde o treinamento e o suporte são mais necessários para mitigar os impactos.

Perguntas-chave:

  • Quais são os impactos da mudança?
  • Quem será mais afetado pela mudança?
  • Como a mudança será recebida?

Passo 3 – Desenvolva uma estratégia de comunicação

Para uma boa gestão da mudança organizacional, é extremamente necessário que haja uma boa comunicação interna. Caso contrário, os colaboradores não saberão quais são as mudanças, por que elas estão acontecendo, quem será afetado etc.

Tudo isso pode gerar uma falta de engajamento e resistência às transformações, dificultando ainda mais o processo de implementação.

Dessa forma, procure desenvolver uma estratégia de comunicação que inclua, por exemplo:

  • Um cronograma de como a mudança será comunicada;
  • A linguagem adotada;
  • Os canais de comunicação;
  • As mídias que você planeja usar.

Perguntas-chave:

  • Como a mudança será comunicada?
  • Como o feedback será gerenciado?

Passo 4 – Forneça treinamento efetivo

Com a mudança devidamente comunicada, é importante que seus funcionários recebam treinamento.

Sem essa comunicação, nã há como fazer a correta gestão da mudança organizacional.

Dessa forma, eles vão adquirir as habilidades e os conhecimentos necessários para operarem com eficiência à medida que a mudança for implementada.

O treinamento pode incluir um conjunto de módulos online de aprendizagem ou uma abordagem presencial, com palestras, minicursos, oficinas, etc. Tudo vai depender do tipo de mudança que está sendo implementada.

Perguntas-chave:

  • Quais comportamentos e habilidades são necessários para alcançar resultados de negócios?
  • Quais métodos de treinamento serão mais eficazes?

Passo 5 – Implemente uma estrutura de suporte

O fornecimento de uma estrutura de suporte é essencial para ajudar os funcionários a se adaptarem à mudança e desenvolverem comportamentos e habilidades técnicas necessárias para alcançar os resultados de negócios desejados.

Você pode considerar o fornecimento de suporte, como serviços de aconselhamento para ajudar as pessoas a lidar com a situação. Ou uma política de portas abertas com a gerência. Assim, os colaboradores se sentirão mais livres para fazer perguntas e esclarecer dúvidas à medida que elas forem surgindo durante a transição.

Perguntas-chave:

  • Onde o suporte é mais necessário?
  • Que tipos de suporte serão mais eficazes?

Passo 6 – Mensure o processo de mudança

Durante todo o processo de gerenciamento de mudanças, uma estrutura deve ser implementada para medir o impacto das transformações no negócio. Assim, se garante que existam oportunidades de reforço contínuo para promover a melhoria constante.

Você também deve avaliar seu plano de gerenciamento de mudanças para determinar sua eficácia e documentar as lições aprendidas.

Perguntas-chave para avaliar o plano de gestão da mudança organizacional:

  • A mudança ajudou a atingir as metas de negócios?
  • O processo de gerenciamento de mudanças foi bem-sucedido?
  • O que poderia ter sido feito de forma diferente?

Agora que você já sabe tudo sobre o que é gestão da mudança organizacional e o que fazer para implementá-la, que tal colocar isso em prática na sua empresa?

Saiba mais: Conheça 4 tipos de mudança organizacional para manter a empresa competitiva

Baixe mais materiais gratuitos sobre gestão:

Aproveite e assista este vídeo sobre modelos de gestão:

Como você vai medir a eficiência das mudanças implementadas em sua empresa?

Com o STRATWs One você cria, acompanha e gerencia indicadores de desempenho de pessoas, equipes e projetos com total transparência e pode avaliar os impactos do seu plano de gestão da mudança organizacional em tempo real.

Baixe nosso e-book gratuito e confira mais dicas de gestão: Metodologias Ágeis para gestão: quais são as principais e como aplicar?

Revolucione a gestão da sua empresa com o STRATWs One

Daniella DoyleJornalista e Publicitária de formação, está no mercado há mais de 15 anos com foco em gerar resultados para empresas B2B por meio de estratégias online e offline. Adora uma nova tendência e trabalhar com métricas e metas. É gerente de marketing na Siteware e, quando sobra um tempinho, aproveita para tricotar e pintar!

Quer evitar erros ao fazer gestão de mudanças? Então, baixe nosso infográfico gratuito: Os 7 Rs da Gestão de Mudanças

Deixe um comentário


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *