Gestão Estratégica

O que é pensamento sistêmico? Aplique em sua organização e aumente a eficiência da sua gestão

O que é pensamento sistêmico? Aplique em sua organização e aumente a eficiência da sua gestão

Publicação : 21/03/2020

Por Viviane Rodrigues

8 min

Você já parou para observar o mundo ao seu redor? A família, o ambiente de trabalho, os meios de transporte, a escola das crianças — tudo está interligado de uma forma ou de outra, e o que acontece em um lugar acaba afetando o outro, de forma mais ou menos direta. Isso acontece porque a nossa sociedade está organizada na forma de sistemas. Foi a partir dessa observação que o pensamento sistêmico nas organizações começou a conquistar destaque no mundo dos negócios.

Um sistema é um conjunto de componentes que interagem organizadamente. Uma parte tem influência sobre a outra de forma recíproca, e os sistemas também relacionam-se entre si. Pense no seu corpo, que também é organizado sistematicamente: quando o sistema imunológico não está funcionando bem, há uma grande chance da contração de uma infecção.

O que acontece no corpo humano não é muito diferente do que acontece em uma empresa. Os departamentos funcionam de forma inter-relacionada, e todos precisam estar alinhados para que a organização alcance suas metas e os seus objetivos de longo prazo.

Neste artigo, vamos abordar com detalhes o pensamento sistêmico nas organizações. Aqui, você vai entender porque ele é importante e de que forma está relacionado ao crescimento do negócio.

O que é pensamento sistêmico?

O pensamento sistêmico, também chamado de pensamento holístico, é a habilidade de entender os fatos não apenas em si mesmos, mas em relação às outras pessoas e instâncias envolvidas na situação.

Ou seja, se você tem um pensamento holístico, você é capaz de entender quais serão as implicações de um acontecimento para os envolvidos diretamente e também para quem está indiretamente relacionado na situação.

Esse tipo de pensamento pode ser aplicado à vida profissional e à pessoal. Trata-se de uma soft skill que pode ser desenvolvida e que trará benefícios em vários aspectos. No contexto dos negócios, a visão sistêmica é um grande diferencial pessoal.

O profissional capaz de enxergar as relações entre os diferentes departamentos faz a tomada de decisão baseada no que é melhor para a empresa como um todo. Ele consegue antecipar as possíveis consequências de cada escolha para os diferentes setores e decidir qual caminho levará a organização na direção dos seus objetivos.

O pensamento sistêmico nas organizações se opõe ao pensamento linear. Segundo essa linha de raciocínio, uma empresa se comporta como uma linha de montagem: uma etapa depois da outra, funcionando de forma mais ou menos independente, até ter o produto completo no fim de tudo.

Por que é importante ter um pensamento sistêmico para evoluir? 

Atualmente, ainda é comum ver empresas grandes com departamentos que tomam decisões de forma isolada e fazem o planejamento estratégico sem levar em consideração todo o contexto da empresa.

Para fazer um paralelo, essa organização é como um barco a remo sem um timoneiro. Cada marujo rema em uma hora e para um lado. Não é difícil perceber que essa estratégia vai ter poucos resultados, não é mesmo? Assim como o barco, a empresa vai gastar muita energia e muitos recursos, mas não vai a lugar nenhum.

O pensamento sistêmico nas organizações é a conexão entre todas as partes envolvidas. A tomada de decisão sistêmica leva em consideração não só o desempenho de um único setor, mas de toda a empresa, tendo o planejamento estratégico geral como norte.

Adotar a visão holística da organização permite otimizar os esforços — em outras palavras, aumentar a eficiência da gestão estratégica. O planejamento e as metas de cada departamento trabalharão como uma alavanca para os setores que estão em relação direta e, assim, a ação de um potencializa a do outro.

Uma outra vantagem do pensamento sistêmico nas organizações é a gestão de conflitos. Quando a empresa adota essa postura sistêmica, cria-se um ambiente de colaboração entre os setores. Isso diminui os pontos de atrito entre os departamentos e melhora a sinergia na empresa.

Se você ainda tem dúvidas sobre as vantagens de um ambiente colaborativo, assista a esta palestra do TED:

Como aplicar o pensamento sistêmico nas organizações? 

A aplicação do pensamento sistêmico nas organizações é uma decisão que precisa ser tomada como parte da estratégia da empresa. Uma vez adotado, ele passa até mesmo a fazer parte da cultura organizacional. A seguir, vamos dar algumas dicas de como implementar, na prática, essa abordagem.

Reúna as lideranças

O primeiro passo para efetivamente implementar o pensamento sistêmico nas organizações é garantir que as lideranças da empresa estejam alinhadas com esse objetivo. Os líderes terão que dar o exemplo, para que suas equipes compreendam que todos os departamentos trabalham em conjunto, para um crescimento geral da empresa.

Assim, é importante haver reuniões periódicas com os gestores, para que eles alinhem os planejamentos dos setores em conjunto. Os líderes também devem ter alguma plataforma (que podem ser reuniões curtas) para acompanhar o desenvolvimento do plano dos outros setores.

Faça treinamentos

O pensamento sistêmico tem uma metodologia própria, e pode ser necessária uma mudança de mindset para que todos os colaboradores embarquem na ideia. Por isso, a empresa que deseja implementar a visão sistêmica deve investir em treinamento.

As equipes precisam ter uma boa base de como trabalhar sistemicamente, e a curva de aprendizado será mais rápida se eles passarem por um treinamento efetivo sobre o assunto.

Compartilhe o planejamento estratégico com as equipes

O planejamento estratégico deve ser um documento de conhecimento geral. As pessoas tendem a se envolver mais quando sentem que estão realmente participando. Além disso, elas vão saber para onde o trabalho está caminhando, e isso tem um reflexo no dia a dia da operação.

Se o plano estratégico tiver partes sensíveis que não podem ser divulgadas para todos os funcionários, faça uma versão mais geral para ser compartilhada transversalmente com todos os níveis.

O pensamento sistêmico nas organizações funciona muito bem quando a empresa tem bons processos. Com uma metodologia que automatiza partes mais operacionais do trabalho, sobra mais tempo para se dedicar a questões táticas e estratégicas.

Empresas que estão usando a STRATWs One, desenvolvida pela Siteware, estão descobrindo as enormes vantagens de ter uma plataforma de gestão de processos. A ferramenta transforma em processos a sua metodologia de gestão, e é compatível com SWOT, Lean e diversas outras.

Atualmente, a plataforma já tem mais de 160 mil usuários, espalhados em clientes de mais de 20 países. Faça como a Dotz, Unimed e Vivara e revolucione a sua gestão. Peça uma demonstração!

Deixe uma resposta


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *